Edição 275Dezembro 2017
Quarta, 17 De Janeiro De 2018
Editorias

Publicado na Edição 275 Dezembro 2017

Gilberto Marques/A2img

Finalizado o restauro das fachadas

O governador do Estado de São Paulo, participa da entrega do 27º e 28º novos trens para a CPTM - Linha 7 - Rubi e da entrega do restauro das fachadas e esquadrias e do relógio da torre do Museu da Língua Portuguesa. Local: São Paulo/SP Data: 06/12/2017 Foto: Gilberto Marques/A2img

Finalizado o restauro das fachadas

A primeira fase da restauração do Museu da Língua Portuguesa, no Centro da capital paulista, foi encerrada em dezembro. Os serviços envolveram as fachadas e esquadrias e também incluiu a reativação do tradicional relógio da torre da Estação da Luz. As obras agora avançam para a reconstrução da cobertura do edifício, restauro dos pátios e torreões, interior do prédio e, por último, a instalação da museografia, com o rico acervo sobre o patrimônio imaterial da língua portuguesa.

Construído em 1901, o edifício é um dos principais ícones de São Paulo e foi atingido por um incêndio de grandes proporções em dezembro de 2015. O fogo começou no primeiro andar e rapidamente alcançou os dois andares superiores e o telhado do edifício, que abriga o museu desde a sua criação, em 2006. Os estragos acabaram motivando o governo do Estado a restaurar toda a Estação da Luz, inclusive a parte que não pegou fogo.

A reinauguração do Museu está prevista para 2019. No início de dezembro o governador Geraldo Alckmin vistoriou as obras de restauro e confirmou que a cobertura de zinco, compreendendo 27 toneladas, foi adquirida no Peru e já chegou ao Porto de Santos. “Teremos um museu ainda mais moderno e interativo, fortalecendo nossa cultura e a língua portuguesa”, disse Alckmin, ao explicar que a nova cobertura conserva a volumetria externa do edifício e ganha nova configuração em seu interior: as peças de madeira serão combinadas a cabos de aço na sustentação do telhado, que vai ser revestido com zinco, garantindo a leitura contemporânea desta intervenção no edifício, reconhecido como patrimônio histórico nacional.

As peças de madeira serão confeccionadas com madeira certificada da Amazônia, atendendo às exigências de sustentabilidade do projeto, uma vez que o Museu da Língua Portuguesa pretende obter certificação internacional para construções sustentáveis. O restauro está focado na obtenção do selo LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) na categoria Silver. O LEED é uma certificação para construções sustentáveis, concebida e concedida pela organização não-governamental americana U.S. Green Building Council (Usgbc). Entre as ações previstas estão, além do uso de madeira certificada, a redução do consumo de energia, coleta de água de chuva para irrigação e gestão de resíduos durante a obra.

“Participar do ressurgimento de um dos principais espaços da gestão estadual de cultura é um dever e um privilégio”, afirmou o secretário da Cultura do Estado, José Luiz Penna: “A celebração da nossa língua, da nossa cultura, da nossa história é fundamental para o necessário sentimento de nação. Outro dado importante é o uso de madeira certificada na cobertura, garantindo a sustentabilidade da obra”.

O uso da madeira em grandes espessuras na cobertura é uma recomendação dos bombeiros e de especialistas, pois o material resiste melhor a incêndios do que estruturas metálicas – em caso de exposição a fogo, apenas a camada externa das peças é afetada, o que garante que a estrutura resista por mais tempo. Essa característica ficou comprovada no incêndio que atingiu o museu, quando a estrutura do telhado resistiu e as peças de madeira, depois de recuperadas, puderam ser reaproveitadas.

Datada de 1946, a madeira da cobertura queimada (peroba do campo) foi utilizada na restauração das esquadrias e fachadas. Cerca de 85% da madeira necessária para a recuperação das esquadrias foi reutilizada do material já existente no edifício: dos 20 m³ de madeira necessários para a restauração das esquadrias, 17 m³ vieram da cobertura original do prédio.

O redesenho interno da cobertura traz mais leveza e visibilidade ao ambiente do 3º andar do Museu, também com o objetivo de evidenciar a intervenção – seguindo os princípios de intervenção em bens tombados, o visitante poderá reconhecer de imediato as temporalidades existentes no mesmo edifício.

O projeto de reconstrução da cobertura, assim como o das fachadas, também contempla ações de conservação da cobertura da Ala Oeste, que não foi atingida pelo incêndio, de forma a garantir a integração de todo o edifício.

A reconstrução foi aprovada pelos três órgãos do patrimônio histórico: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat), órgão de âmbito estadual, e Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp).

O custo total da reconstrução está estimado em R$ 65 milhões. O valor de investimento da iniciativa privada será de R$ 36 milhões. O restante vem da indenização do seguro contra incêndio. O histórico da reconstrução está em www.museudalinguaportuguesa.org.br/reconstrucao/linha-do-tempo/

 

Sobre o Museu da Língua Portuguesa

Patrimônio_Museu-Site

Equipamento incentiva visitante a descobrir novos aspectos do idioma, elemento fundador da cultura do país

 

Em 10 anos de funcionamento, o Museu recebeu cerca de 4 milhões de visitantes (319 mil destes em ações educativas). Primeiro do mundo totalmente dedicado a um idioma, trouxe ao país um novo conceito museográfico, que alia tecnologia e educação. Com uma narrativa audiovisual e ambientes imersivos, permite ao visitante descobrir novos aspectos do idioma, elemento fundador da cultura do país. Foi eleito pelo Trip Advisor um dos três melhores museus do Brasil e da América Latina em 2015. Sua instalação na Estação da Luz é simbólica: foi ali o ponto de chegada de imigrantes de vários lugares do mundo, com diferentes idiomas e sotaques, no coração de São Paulo – maior cidade de falantes de português do mundo.

Como parte das ações para manter viva a conexão entre o Museu da Língua Portuguesa e seu público durante o período de reconstrução foi lançado o site www.museudalinguaportuguesa.org.br Construído para permitir a navegação de todos os públicos – com ou sem algum tipo de deficiência –, conta com recursos de acessibilidade digital. Nele, os usuários podem acompanhar as novidades da reconstrução, relembrar o histórico do Museu e ter contato com entrevistas e artigos relacionados à língua portuguesa.

Publicado na Edição 275 Dezembro 2017

Divulgação

Relacionamentos na cadeia imobiliária

Carlos Borges: “Esta parceira é fundamental para termos produtos vendáveis e adequados para o consumidor no futuro”

Relacionamentos na cadeia imobiliária

“Estamos em um momento de mudanças em decorrência dos avanços tecnológicos, sendo necessária uma união do setor imobiliário, incluindo empresas, fornecedores, entidades e projetistas, para construirmos uma agenda setorial conjunta de longo prazo, porque a dispersão de energia e esforço é muito grande”. A afirmação foi feita por Carlos Alberto Moraes Borges, vice-presidente de Tecnologia e Sustentabilidade do Secovi-SP, o Sindicato da Habitação, ao abrir o III Encontro de Construtores e Incorporadores, que teve como tema “Repensando relacionamento para os novos tempos”.

O evento aconteceu em 5 de …

Leia mais

Publicado na Edição 275 Dezembro 2017

Fotos Divulgação

Tons de cinza em novos revestimentos

Tons de cinza em novos revestimentos

A Lepri – Finas Cerâmicas Rústicas ampliou a cartela de cores das linhas Brick Contemporâneo com os tons Cinza Chumbo, Nagoya e Piemonte; Brick Natura com o Funghi; Brick Anticatto com a cor Macchiatto; Funghi para Brick Mattone; e o Quebratto com o Lava Grey.

Inspirado nos tijolos ingleses e norte-americanos, o Brick Contemporâneo é um revestimento cerâmico que confere um toque rústico e único ao ambiente. Nas medidas 7 x 23 cm e 7 x 46 cm, ele é resistente e de fácil manutenção; e sua aplicação …

Leia mais

Publicado na Edição 274 Novembro 2017

Divulgação

Mini com pinta de carrão

Creta: porta-malas comporta 431 litros de bagagem

Mini com pinta de carrão

Nelson Tucci

O design é elogiável, o motor tem boas respostas e é silencioso. Internamente o veículo é confortável, elegante (com direito a bancos de couro, com sistema de ventilação através de seus furinhos) e acomoda facilmente quatro adultos e uma criança. A pinta é de um carrão, mas a Hyundai o classifica na categoria mini SUV. Este é o Creta, modelo aguardado por algum tempo pelo mercado nacional, ávido por novidades sempre, que no exterior tem outro nome (ix25).

Na versão 2.0, por nós avaliada, o motor …

Leia mais

Publicado na Edição 274 Novembro 2017

Luiz Carlos Ferraz

Bertioga quer ser a Riviera Paulista

Forte São João, patrimônio cultural de Bertioga: construído em 1547 e reconhecido como a primeira fortaleza do Brasil

Bertioga quer ser a Riviera Paulista

Luiz Carlos Ferraz

Bertioga é o caçula entre os municípios da metrópole da Baixada Santista – foi criado em 30 de dezembro de 1991, após emancipação de Santos –, mas independentemente disso é o que registra a mais alta taxa de crescimento da região. Não bastasse esse vigor, ainda tem à disposição extensas áreas para novos empreendimentos! Ou seja, a cidade possui um grande potencial de desenvolvimento para atrair empresários e profissionais do segmento da construção civil, lazer e entretenimento. É com esta visão de futuro que Bertioga …

Leia mais

Publicado na Edição 274 Novembro 2017

Divulgação

Terra Roxa, a cor 2018

Busca pelo natural: o desejo comum de levar a natureza para dentro de casa

Terra Roxa, a cor 2018

Combinando autonomia e diversidade, a Suvinil não só escolheu a sua cor do ano de 2018, a Terra Roxa, como propôs caminhos para a descoberta do tom de cada pessoa. Com este conceito, a marca desenvolveu um estudo com a participação de profissionais de diferentes áreas de atuação, como arquitetos, designers, floristas e consultores comportamentais, e identificou um anseio por uma vida mais humana.

A cor Terra Roxa da Suvinil transmite a busca pelo natural. O tom terroso alaranjado exprime o desejo comum de levar a natureza para …

Leia mais

Publicado na Edição 273 Outubro 2017

Divulgação

Um gás à Chery

Fabricado no Brasil, Novo Celer valoriza espaço e economia

Um gás à Chery

Nelson Tucci

Há quem goste do modelo e há também quem não o conhecia. Mas depois desta matéria – esperamos! – a vida do Novo Celer não será mais a mesma. A Chery, montadora chinesa que aportou no Brasil em 2009, cometeu alguns erros de avaliação e teve modelos rejeitados pelo consumidor. Mas isto ficou pra trás. A aposta no QQ (já de fabricação nacional e com motor flex, sendo atualmente o mais barato do mercado, com preços em torno de R$ 26 mil) e na 2ª geração …

Leia mais

Publicado na Edição 273 Outubro 2017

Sandra Netto

Anamar entrega alto padrão

Patriarca Mário, ladeado pelo filho Adelino e o neto Leandro: terceira obra em que três gerações da Família Bastos trabalham juntas

Anamar entrega alto padrão

Sandra Netto

Comemorando 36 anos de atuação no mercado imobiliário de Santos, a Construtora Anamar prepara a entrega de mais um empreendimento voltado ao segmento de alto padrão. Trata-se do residencial Costa Embaré, localizado na Rua Álvaro Alvim, 57, com apartamentos de três e dois dormitórios e ampla estrutura de lazer. Este é o 12º empreendimento da linha Costa, iniciada em 1981, totalizando a entrega de 777 unidades habitacionais, celebrou o diretor da Anamar, Adelino Bastos.

O projeto arquitetônico tem concepção contemporânea e foi feito pela arquiteta Irene …

Leia mais

Publicado na Edição 273 Outubro 2017

Luiz Carlos Ferraz

O “Melhor Destino Verde”

Ilhas flutuantes no Lago Titicaca, nos Andes: 3.812 metros acima do nível do mar

O “Melhor Destino Verde”

Nosso vizinho Peru foi eleito o “Melhor Destino Verde” no World Travel Awards (WTA) América do Sul 2017, anunciado na Riviera Maia, no México. “O Peru é um país de biodiversidade e nossas ações de promoção vêm concentrando-se em divulgar o nosso destino neste segmento a nível internacional”, disse Marisol Acosta, diretora de Turismo da Comissão de Promoção do Peru para a Exportação e o Turismo, a PromPerú: “Este prêmio confirma que a cadeia comercial de todo o mundo está reconhecendo nossa oferta de natureza, que se complementa …

Leia mais

Publicado na Edição 272 Setembro 2017

Divulgação

Boa performance, sem perder a ternura

up! TSI: foguetinho, sempre que exigidos os seus 105 cv

Boa performance, sem perder a ternura

Nelson Tucci

Rodovia Régis Bittencourt. A camionete, embalada, parece ter alguma necessidade de “fazer a varredura e empurrar” quem está à frente. Cola na traseira do up! e começa a fazer aquela graça típica de motoristas amadores de fim de semana. Deixo passar. Em seguida, decido testar o motor TSI do novo up!, versão 2018. Reduzida básica para a 4ª marcha, embalo e engato novamente a 5ª marcha, agora abrindo o turbo. O “carrinho” que o motorista da Ranger vê pelo retrovisor inverte posição e começa a “empurrar” …

Leia mais

Publicado na Edição 272 Setembro 2017

Adriano Castro/Divulgação

TopDT movimenta Litoral e Interior

Praia da Enseada, Guarujá: participação da Baixada Santista

TopDT movimenta Litoral e Interior

Cresce o número de cidades do Litoral e Interior de São Paulo inscritas no Top Destinos Turísticos (TopDT), que indica o Turismo como alternativa para o enfrentamento da crise financeira. No atual contexto, o TopDT é apontado como eficiente estratégia para prefeitos e órgãos de fomento que visam fortalecer a atividade no território paulista.

Concebido e lançado pelo Skal Internacional São Paulo e Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB), o TopDT é visto como alternativa para as cidades se promoverem. Em parceria, empresariado e …

Leia mais

Publicado na Edição 272 Setembro 2017

Divulgação

Enfim, aberto ao ecoturismo

Arquipélago de Alcatrazes: serão permitidos mergulho recreativo e passeio embarcado

Enfim, aberto ao ecoturismo

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) anunciou a abertura para visitação pública do Refúgio de Vida Silvestre (RVS) do Arquipélago de Alcatrazes, localizado em São Sebastião, no litoral Norte de São Paulo. Na unidade de conservação serão permitidas atividades de mergulho recreativo e passeio embarcado para observação da fauna. As empresas de turismo e profissionais autônomos interessados, que atenderem os pré-requisitos exigidos, poderão se cadastrar para prestar serviços de visitação no RVS. A perspectiva é que no inicio de 2018 o turismo no local esteja …

Leia mais

Publicado na Edição 271 Agosto 2017

Divulgação

Prêmio Smacna Brasil

Hotel Porto Atlântico, Rio de Janeiro/RJ

Prêmio Smacna Brasil

Reconhecendo em âmbito nacional os melhores trabalhos de engenharia termoambiental do ano, aconteceu em agosto, na capital paulista, a premiação do 24º Destaques do Ano Smacna Brasil/2016 – Convênio Smacna-Abrava. A láurea é concedida pelo desdobramento brasileiro da entidade técnico-científica Smacna (Sheet Metal Air Conditioning Contractors’ National Association) e a Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento (Abrava). Estes foram os empreendimentos premiados: Laboratório Sabin de Análises Clínicas, em Brasília/DF, Paulista North Way Shopping, Paulista/PE, Banco Central (Bacen), Salvador/BA, Aker Solutions–Subsea High Tech Centre, São José …

Leia mais

Publicado na Edição 271 Agosto 2017

Fotos Luiz Carlos Ferraz

Perdão no Caminho Lebaniego!

Rota tangencial do Caminho de Santiago comemora Ano Jubilar

Perdão no Caminho Lebaniego!

Luiz Carlos Ferraz

Após peregrinar por seis itinerários diferentes do Caminho de Santiago de Compostela (*), fui inspirado a peregrinar, em junho passado, uma rota tangencial do tradicional Caminho cristão: durante cinco dias percorri cerca de 70 quilômetros do Caminho Lebaniego, de San Vicente de la Barquera ao Monastério Santo Toríbio de Liébana, na Comunidade Autônoma da Cantábria, no Norte da Espanha.

O Monastério está localizado aos pés do Maciço Central dos Picos de Europa, na Cordilheira Cantábrica, e guarda a “lignum crucis”: o maior pedaço da cruz …

Leia mais

Publicado na Edição 271 Agosto 2017

Fotos Divulgação

Paraíso no Oceano Atlântico

Aeroporto da Ilha da Madeira

Paraíso no Oceano Atlântico

Com cenários que reúnem impressionantes obras da natureza, o Arquipélago da Madeira é um refúgio localizado em meio à imensidão do Oceano Atlântico. De origem vulcânica, sua posição geográfica privilegiada proporciona um clima ameno o ano inteiro, perfeito para desfrutar o que suas ilhas têm de melhor, como as paisagens montanhosas, o mar com temperatura agradável e as atrações que convidam o visitante a uma experiência inesquecível.

O conjunto de ilhas pertence a Portugal, sendo as principais e únicas povoadas a Ilha da Madeira e Porto Santo, que …

Leia mais

Publicado na Edição 270 Julho 2017

Divulgação

Favorecendo a boa relação…

Novo Voyage: as linhas externas modernizaram o modelo, especialmente na parte dianteira

Favorecendo a boa relação…

Nelson Tucci

A eficiência energética tem ajudado no desempenho dos carros mais novos. Em fevereiro de 2016 avaliamos o Voyage Comfortline de motorização 1.0. Neste mês de julho testamos o motor 1.6 do mesmo modelo e um ano mais novo. Creia, em termos de consumo é quase a mesma coisa, ou seja, fizemos 11,8 km/litro na cidade e a média de 15 km/l na estrada (a gasolina) e com a vantagem de ser um motor 1.6, com mais torque.

O motor de 4 cilindros e 8 válvulas corresponde …

Leia mais

Publicado na Edição 270 Julho 2017

Sandra Netto

Requinte no Canto do Forte

Prime Residence: acabamento primoroso no melhor ponto da Praia Grande

Requinte no Canto do Forte

Sandra Netto

A NossoLar Imóveis prepara a entrega do Prime Residence, no Canto do Forte, em Praia Grande. Voltado ao segmento de luxo, o projeto está em fase de acabamento e contempla apartamentos de três suítes, com 150 metros quadrados de área útil, e de quatro suítes, com 255 metros quadrados de área útil, todos com vista para o mar. A escolha do Canto do Forte é um diferencial, afirma o presidente da NossoLar, Rodrigo Pacheco Silva: “Os melhores empreendimentos estão nesta região da cidade. O desejo de …

Leia mais

Publicado na Edição 270 Julho 2017

Divulgação

Sonho e encanto no Pacífico

Bora Bora: um dos pacotes preferidos pelos casais em lua de mel

Sonho e encanto no Pacífico

Céu azul, praias de águas cristalinas, mornas e tranquilas, rodeadas por areia branca e fina, cercadas por montanhas e coqueiros, tudo combinado com a hospedagem em charmosos e exclusivos bangalôs, instalados sobre o mar. Parece sonho, mas esta é a realidade na Polinésia Francesa, um conjunto de cinco arquipélagos encravados no meio do Oceano Pacífico.

Abrigo de atóis e mais de 100 ilhas, as paisagens formadas nesta porção do planeta encantam viajantes de todo o mundo. A mais romântica de todas as ilhas, Bora Bora, é a preferida …

Leia mais

Publicado na Edição 269 Junho 2017

Divulgação

Cobalt mira o conforto

Motor 1.8, de transmissão automática de 6 marchas

Cobalt mira o conforto

Nelson Tucci

Existem carros que priorizam preço; alguns, a potência; outros, o conforto. Em um mercado competitivo e tão cheio de opções o consumidor tem chances de escolher. Nesta edição Veículos & Negócios mostra o Chevrolet Cobalt como o carro do mês. Testamos o modelo, que tem a sua primeira reestilização. Em nossa opinião ficou bem melhor o design deste sedã, sobretudo nas laterais e na traseira. O tom de sobriedade está mantido e algumas atualizações ajudam os consumidores na escolha.

Motor 1.8, de transmissão automática de 6 …

Leia mais

Publicado na Edição 269 Junho 2017

Luiz Carlos Ferraz

O Caminho não está no Brasil!

Caminho Francês a Santiago de Compostela: Patrimônio da Humanidade da Unesco

O Caminho não está no Brasil!

Luiz Carlos Ferraz

É óbvio que o Caminho de Santiago não está no Brasil. Afinal, como se sabe, trata-se de uma rota de peregrinação cristã desenvolvida a partir do século IX, após o achado do sepulcro do Apóstolo de Jesus, Tiago Maior, na Galícia, Espanha. Hoje, alguns itinerários do Caminho na Europa estão reconhecidos como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura.

O Brasil não faz parte desse universo. Tiago Maior nunca esteve no Brasil e …

Leia mais