Edição 300Janeiro 2020
Segunda, 27 De Janeiro De 2020
Editorias

Publicado na Edição 299 Dezembro 2019

Divulgação

Bem-vindo 2020!!!

Dicas importantes para registrar as festas de final de ano

Bem-vindo 2020!!!

Leandro Ayres

E LÁ se vai o ano de 2019. Foram 12 meses de muitas batalhas e superação para a maioria dos brasileiros, vítimas do mau gerenciamento socioeconômico do governo, que prejudica o país desde muito tempo. Mas, ainda assim, há sempre motivos para confraternizar e celebrar com seus entes queridos, a chegada de um novo ano. É tempo de renovarmos as esperanças. Para você que, entre um brinde e outro, gosta de registrar estes momentos de reunião, seguem algumas valiosas dicas para conseguir boas fotos com sua objetiva ou celular:

1) Procure os ambientes bem iluminados, especialmente no caso de fotos com celulares, já que sua capacidade de compensação luminosa (ISO) é menor do que a de uma câmera profissional. Desta maneira suas fotos terão maior nitidez e menos ruído. Se não houver boa iluminação na hora de estourar a champanhe, use o flash.

2) Fotos espontâneas narram melhor a experiência do momento. Sim, sempre existirão as fotos posadas, mas use-as apenas como quebra-gelo e para identificar os presentes. Tenha o seu momento voyeur e registre a conversa animada dos primos que não se encontravam há meses sem que eles o percebam. A expressão da criança ao abrir os presentes. O agradecimento emocionado da mãe ou esposa que tem sua ceia elogiada. Enfim, registre emoções e não apenas poses.

3) Atente-se aos detalhes. Sua tia caprichou no bacalhau à portuguesa e no manjar. Coloque a garrafa e uma taça de vinho ao lado, capriche no enquadramento, observe a luz, e click! Eleve a sua foto à altura deste banquete! Se os enfeites na árvore estão tão criativos que merecem um destaque, faça o registro. Até o pet está com roupinha de Papai Noel? Busque um ângulo para deixá-lo ainda mais divertido! A decoração da mesa, a guirlanda na porta, os embrulhos dos presentes, o rótulo do vinho… são infinitas as possiblidades!

4) Se a proposta é fotografar a queima de fogos, os celulares mais modernos têm o modo “fireworks” entre suas opções ou, em alguns casos, o modo noturno. Esta configuração permite registrar a luz dos fogos de artifício com maior nitidez e vivacidade das cores. No caso de uma câmera profissional DSLR, pode-se apoiá-la em um tripé e usar a longa exposição usando uma velocidade de obturação mais lenta, de acordo com a luz ambiente ofertada.

5) Se beber, não fotografe. O álcool altera a percepção de foco e da linha do horizonte e suas fotos ficarão desfocadas e tortas. A memória também é afetada, então todas as dicas acima sequer serão lembradas. No dia seguinte, ao olhar suas fotos, se as pessoas reviverem o momento da festa e abrirem um sorriso, sua missão foi concluída com sucesso. Reconheceram em cada click as emoções vividas no Natal ou Réveillon!

Boas festas, bons clicks!