Edição 309Outubro 2020
Segunda, 26 De Outubro De 2020
Editorias

Publicado na Edição 245 Junho 2015

Divulgação

Roteiro sustentável

Casa típica no bairro São Francisco

Roteiro sustentável

O roteiro “Caminho das Águas – Ecoturismo, Turismo Pedagógico, Cultura e História – Litoral Norte de SP” será lançado oficialmente em julho pelo Instituto Supereco. Para a a fundadora da entidade, Andrée de Ridder Vieira, o roteiro é exemplo de boa prática para as cidades litorâneas do Corredor de Biodiversidade da Serra do Mar: “Esperamos que possa inspirar outros municípios a adotá-lo como turismo sustentável, de renda e conservação”.

A ideia do Caminho das Águas é resgatar as atrações turísticas e culturais localizadas entre o Centro de São Sebastião e o bairro São Francisco, como o sítio arqueológico existente a 270 metros de altitude em meio ao Parque Estadual da Serra do Mar, a Trilha do Pinheiro, a Fundação Mar (Fundamar), o Centro de Biologia Marinha da USP (Cebimar) e o Balneário dos Trabalhadores, criado para receber o turismo de um dia.

A ceramista Maria Aparecida Ivanov em seu ateliê

A ceramista Maria Aparecida Ivanov em seu ateliê

O Convento Nossa Senhora do Amparo data de 1658 e fica no bairro São Francisco, em São Sebastião, e é um dos atrativos mais conhecidos do roteiro. Na rua Martins do Val, no mesmo bairro, há diversas construções dos séculos XIX e XX que ainda preservam suas fachadas com técnicas que incluem alvenaria de pedra e as cimalhas (beirais). O ateliê da ceramista Maria Aparecida Ivanov, conhecida na região como Cida, é um local onde se pode conhecer as tradicionais panelas de barro. Cida reproduz as panelas e demais artigos de cerâmica com a mesma técnica que foi passada de geração a geração desde a época dos índios até a chegada dos africanos, culminando num legado único de cultura local.

No Centro Histórico de São Sebastião destaque para a Praça das Bandeiras, do século XX, e Igreja da Matriz, do século XVII, primeira igreja construída no município, que combina a arquitetura colonial, com símbolos religiosos e da maçonaria. O roteiro é composto pela Capela São Gonçalo, Casa de Câmera e Cadeia, todos do século XVII, e Casa Esperança e Casa das Janelas do século XVIII.

A iniciativa do Supereco integra o Projeto Tecendo as Águas, com patrocínio da Petrobras. A Ong atua há 20 anos com a missão de promover a educação ambiental como ferramenta estratégica de conservação ambiental aliada ao desenvolvimento humano. Os 23 programas, projetos e intervenções de educação pela sustentabilidade, abrangendo todos os Biomas do Brasil, formaram mais de 11.500 educadores e lideranças multiplicadoras em educação ambiental.

Responder