Edição 292Maio 2019
Quarta, 22 De Maio De 2019
Editorias

Publicado em 1/03/2019 - 7:22 am em | 0 comentários

Divulgação/GESP

Operação Carnaval + Seguro agilizará serviços nas travessias litorâneas

Governador Doria: movimento do Carnaval será recorde em São Paulo

Operação Carnaval + Seguro agilizará serviços nas travessias litorâneas

A Secretaria de Estado de Logística e Transportes (SLT) preparou esquema especial para desencadear, a partir de hoje, a Operação Carnaval + Seguro. O objetivo é tornar mais ágeis os serviços prestados nas travessias litorâneas, gerenciados pela Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A) e mais seguras as viagens nas rodovias administradas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). Serão 2.767 profissionais envolvidos, do DER e da Dersa, na operação nas cinco rodovias estaduais de acesso ao litoral paulista, região de Campos do Jordão, Oeste Paulista e nas travessias litorâneas. Esse efetivo é 126% maior que o registrado no Carnaval de 2018, quando 1.220 profissionais estiveram envolvidos na operação.

“O movimento do Carnaval será recorde em São Paulo. Foram mais de nove milhões de pessoas no período que se movimentaram aqui na Capital. Foi um número recorde no país, mais do que Salvador, Recife ou Rio de Janeiro. Isso exige uma atenção maior e um trabalho de planejamento mais estruturado”, declarou o governador João Doria ao apresentar a operação a jornalistas.

Uma das novidades deste ano é aplicativo das travessias litorâneas, que está disponível desde ontem, para possibilitar ao usuário acompanhar em tempo real a espera do embarque e a quantidade de balsas à disposição em todos os serviços, de maneira ágil e personalizada.

“É um aplicativo em que você pode planejar a sua viagem e acompanhar, inclusive com câmeras, uma visão da fila, da estrutura e consegue melhorar o seu planejamento para a viagem”, afirmou o secretário de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto: “Pedimos atenção a todos para observar as orientações da Polícia Rodoviária, da Dersa e do DER para que a gente possa ter um Carnaval cada vez mais tranquilo”.

Para atender a grande demanda do Carnaval, que só fica atrás do Réveillon, várias medidas foram tomadas para dar mais agilidade às operações e garantir maior conforto aos usuários. A expectativa é que mais de 1,3 milhão de veículos trafeguem pelas rodovias Manoel Hyppólito Rego (SP 55), Padre Manoel da Nóbrega (SP 55), Dom Paulo Rolim Loureiro (SP 98), Oswaldo Cruz (SP 125), Floriano Rodrigues Pinheiro (SP 123) e Raposo Tavares (SP 270).

Pouco mais de 410 mil usuários são esperados nas travessias gerenciadas pela Dersa. O maior movimento deve acontecer na travessia Santos/Guarujá, com cerca de 150 mil veículos, seguido pela travessia São Sebastião/Ilhabela, com a estimativa de quase 40 mil veículos. A travessia Santos/Guarujá passará a contar a partir de hoje com a sexta embarcação, a FB-15, com capacidade para 24 veículos. Outra inovação é que, pela primeira vez, a Dersa terá equipes de apoio ao trânsito, em conjunto com os órgãos de trânsito municipais, além de manutenções nas embarcações durante 24 horas neste feriado prolongado.

“Vocês vão ver um grande foco na questão da melhora da infraestrutura para as travessias”, explicou João Octaviano: “São oito travessias que vão receber todo esse tratamento. Vamos ter acompanhamento total de entrada e saída de navios para que a gente possa melhorar a operação das balsas Santos/Guarujá”.

O governador ponderou, entretanto, que o sistema de Travessias gerenciado pelo poder público está no limite e que a operação será concedida à iniciativa privada em breve: “Na operação Carnaval + Seguro, nós vamos ter uma minimização dos problemas. A eliminação do problema, só com a privatização. Nós vamos anunciar ainda neste primeiro semestre, com investimento privado, a multiplicação de serviços de balsas e outras formas de transporte de passageiros e de carga”.

Em recente pesquisa encomendada pela Dersa, o resultado mostrou que dentre os usuários que buscam informações sobre as travessias, 59% utilizam o site da empresa. Desses usuários, 83% utilizam aparelhos celulares para o acesso. Com o novo aplicativo, será possível monitorar o tempo de embarque de forma personalizada, já que o sistema fornecerá o tempo estimado a partir do momento em que ele entra na fila.

O motorista também contará com informações sobre interferências na operação, como força de maré, ventos e passagem de navios pelo canal. Além disso, será possível visualizar as câmeras de monitoramento da Dersa. O aplicativo estará disponível para o sistema Android gratuitamente no Google Play. Não foi informado quando o aplicativo estará disponível para quem tem iPhone.

Além de reforçar a Santos/Guarujá, outras duas travessias ganharão novas embarcações. As travessias Cananeia/Ilha Comprida e Iguape/Jureia, que contavam com uma balsa em operação cada, passarão a contar com duas embarcações cada, ampliando sua capacidade de atendimento.

O serviço de manutenção das embarcações, que antes era feito apenas de segunda a sexta-feira e em horário comercial, agora passa a ser realizado também durante 24 horas em todo o feriado prolongado. Nesse período noturno, geralmente de baixa demanda, os reparos se dão sem atrapalhar a operação.

Além disso, as equipes mecânicas estarão de plantão em todas as travessias. Em cada região (litoral Norte, Baixada Santista e litoral Sul) também haverá um caminhão-tanque com combustível extra para as embarcações. Outra providência foi a compra de motores, que já começaram a chegar e estão sendo trocados gradativamente, visando ao período do Carnaval.

A Dersa instalou 13 novos PMVs, que são painéis com tecnologia avançada e que fornecem informações em tempo real sobre a travessia, além de mensagens educativas. Eles estarão em pontos estratégicos do viário municipal, possibilitando que os motoristas evitem horários de pico, programem a viagem e, eventualmente, possam buscar rotas alternativas para seus destinos. Além disso, toda a estrutura de sinalização e prevenção de acidentes receberá reforço com 70 banners indicativos e 600 cones.

Também serão distribuídos 20 mil folhetos com orientações de segurança e informações gerais sobre as travessias, tanto para os motoristas, quanto para os ciclistas e pedestres.

Equipes darão apoio na organização dos viários próximos às travessias, atuando em conjunto com os órgãos de trânsito municipais. O objetivo é orientar os motoristas e minimizar os impactos das filas. As equipes, devidamente uniformizadas, terão oito operadores na travessia São Sebastião/Ilhabela, oito na travessia Santos/Guarujá e dois em Cananeia.

Em São Sebastião, no litoral Norte, a Dersa disponibilizará uma estrutura reforçada com um sanitário e um fraldário na área de fila da balsa. Este ano, o Verão no Clima, projeto de educação ambiental da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, fará uma “blitz” com monitores que realizarão abordagem nos usuários. Parceiros realizarão atividades lúdicas ligadas ao Carnaval, como marchinhas com o tema do lixo no litoral, e distribuirão água e lixeiras para os carros. A iniciativa também será realizada na Travessia Santos/Guarujá.

A Operação Carnaval é uma parceria da Secretaria de Logística e Transportes, Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado, Sabesp e do Porto de São Sebastião.

Toda a operação de Carnaval será monitorada pelo Centro de Controle Operacional (CCO), 24 horas por dia, com a utilização de sistemas que fornecem previsões horárias da demanda de usuários e veículos, além de fazer o acompanhamento da entrada e saída de navios no canal do Porto. O CCO dispõe de 133 câmeras instaladas nas oito travessias.

Os usuários podem acompanhar a operação em www.dersa.sp.gov.br, facebook.com/DERSASP, twitter.com/travessiasdersa e instagram.com/dersasp, além do telefone 0800 7733 711.

Para as rodovias paulistas, além de ampliar o efetivo com mais profissionais, o DER disponibilizou reforço dos recursos operacionais de monitoramento. A pretensão é agilizar a prestação de serviços aos motoristas e usuários. Serão 74 caminhonetes de inspeção, 122 guinchos leves, 17 guinchos pesados, 20 caminhões-pipa, 21 veículos de apreensão de animais, uma motocicleta e 124 veículos de apoio ao tráfego.

As vias de acesso ao litoral, Oeste Paulista e Região Serrana de Campos do Jordão serão especialmente monitoradas por concentrarem o maior volume de tráfego.

Com a intensa movimentação, além das viaturas percorrendo as rodovias, o tráfego também será monitorado pela Central de Operação e Informação do DER. Para tanto, foram implantadas 73 câmeras de monitoramento, 75 equipamentos de monitoração de veículos (OCR), 28 painéis de mensagem variável, 133 radares para controle do excesso de velocidade e 38 contadores de veículos.

O movimento nas rodovias deve aumentar já a partir das 11 horas de hoje e permanecerá intenso até a meia-noite de amanhã, que, das 6 às 19 horas, terá o fluxo de veículos alto novamente, o que poderá causar pontos de congestionamento. No domingo, o tráfego é intenso das 9 às 16 horas. A previsão é que a manhã de segunda-feira seja tranquila nas rodovias do DER. O movimento só volta a crescer às 12 horas e permanece até à meia-noite. Na terça-feira, o retorno intensifica o fluxo, das 8 a meia-noite de quarta-feira. Pela manhã da quarta-feira, o movimento volta a ser intenso, permanecendo assim até às 19 horas.

O DER divulgará por meio de boletins as condições de tráfego atualizadas nas rodovias e o tempo estimado de percurso. Os dados estarão disponíveis em www.der.sp.gov.br e pelo Twitter (@_dersp). Os usuários também poderão obter informações diretamente no Centro de Operações e Informação pelo telefone de emergências 0800 055 5510. Para conscientizar motoristas sobre a importância da prudência ao volante, o DER também veiculará campanhas educativas no Twitter e mensagens de segurança nos painéis instalados nas rodovias que integram a operação.