Edição 320Setembro 2021
Sábado, 16 De Outubro De 2021
Editorias

Publicado em 24/06/2021 - 6:55 am em | 0 comentários

Hélio Nobre/Divulgação

Museu do Ipiranga inaugura mirante para as obras de restauração

Espaço ocupa o mezanino do Parque Independência

Museu do Ipiranga inaugura mirante para as obras de restauração

Enquanto a inauguração do Novo Museu do Ipiranga, marcada para setembro de 2022, não acontece, a partir de sábado o público que desejar acompanhar mais de perto o progresso das obras e todo o processo de restauração e ampliação do Edifício-Monumento terá acesso gratuito ao Observatório da Obra. O espaço, que ocupa o mezanino do Parque Independência, terá área externa dedicada a painéis com marcos da reforma e mirante para o canteiro de obras, e estará aberto ao público com horário de funcionamento das 9 às 18 horas, de segunda a sexta-feira, sob agendamento prévio via Sympla, a partir de hoje. A entrada para o Mirante deve ser feita exclusivamente pelo portão da Rua Xavier de Almeida.

O Observatório da Obra é um pavilhão de dois andares e 60 m², e está instalado no local que oferece a melhor vista para o edifício do Museu. No primeiro andar, coberto, TVs exibem os seis vídeos da série “Diário da Obra”, mostrando aos visitantes todos os avanços do projeto de recuperação do Museu desde o início até o estágio atual da obra. Do mirante, os visitantes têm uma visão privilegiada de toda a frente do canteiro de obras, conseguindo ver as ações de ampliação e construção da nova entrada do Museu do Ipiranga. A ação tem como objetivo manter a sociedade informada sobre o andamento do projeto, e cultivar o relacionamento com o público, oferecendo uma nova maneira dos visitantes acompanharem o dia a dia dos trabalhos com segurança. A visita inclui, ainda, uma área externa dedicada a painéis que abordam os marcos da obra e todo processo construtivo realizado na obra.

Todo o espaço do pavilhão, assim como o conteúdo exposto, será completamente acessível. As ações de acessibilidade incluem o uso de Libras e dispositivos de áudio descrição. A proposta reflete a política do Novo Museu do Ipiranga, que pretende ter mecanismos de acessibilidade para as diferentes necessidades especiais dos visitantes. A abertura do Observatório da Obra segue as mesmas recomendações de segurança, em relação ao controle da disseminação da Covid-19, que são adotadas pela Universidade de São Paulo, instituição à qual o Museu pertence.

No mesmo dia da inauguração, o Museu do Ipiranga, o Sesc São Paulo e o Senac organizam, entre 9 e 17 horas, um Drive-Thru Solidário para coleta de alimentos não perecíveis destinados à doação, com entrega em esquema de comboio, pela Rua dos Patriotas, em frente à entrada para o Jardim do Museu. Dentro da Ação Urgente contra a Fome, a iniciativa do programa Mesa Brasil disponibilizará uma tenda para coleta de doações de alimentos não perecíveis da cesta básica, como arroz, feijão, leite em pó e enlatados. Funcionários do Museu e do Sesc estarão à disposição para receber as doações. Para participar, é obrigatório o uso de máscara.

As obras do Novo Museu do Ipiranga não pararam. Com o objetivo de assegurar a entrega do projeto em 2022, o canteiro de obras e as frentes de trabalho foram reorganizados para continuar funcionando. Com a adoção de protocolos de segurança, que incluem o monitoramento diário das condições de saúde dos trabalhadores, o afastamento dos grupos de risco e o escalonamento das equipes, além do uso e higienização constante dos EPIs, mantiveram-se os trabalhos.

A obra é executada em duas grandes frentes: ampliação e restauro do Edifício-Monumento. Na parte da ampliação, as obras já realizaram praticamente toda a movimentação de terra, com o avanço da concretagem das lajes que compõem a nova esplanada. Já na parte de restauro, as ações estão com 70% de avanço, com a finalização das restaurações das Fachadas Sul, Leste e Oeste, e do restauro de portas e esquadrias de madeira.

Fechado desde 2013, o Museu do Ipiranga da USP seguiu em atividade com eventos, cursos, palestras e oficinas em diversos espaços da cidade. As obras de restauro, ampliação e modernização do Museu são financiadas via Lei de Incentivo à Cultura. A gestão do Projeto Novo Museu do Ipiranga é feita de forma compartilhada pelo Comitê Gestor Museu do Ipiranga 2022, pela direção do Museu do Ipiranga e pela Fundação de Apoio à USP (FUSP). As obras se iniciaram em outubro de 2019 e a expectativa é que seja reaberto em setembro de 2022, para a celebração do bicentenário da Independência do Brasil. Para mais informações sobre o restauro, acesse o site oficial.

O edifício, tombado pelo patrimônio histórico municipal, estadual e federal, foi construído entre 1885 e 1890 e está situado dentro do complexo do Parque Independência. Concebido originalmente como um monumento à Independência, tornou-se em 1895 a sede do Museu do Estado, criado dois anos antes, sendo o museu público mais antigo de São Paulo e um dos mais antigos do país. Está, desde 1963, sob a administração da USP, atendendo às funções de ensino, pesquisa e extensão, pilares de atuação da Universidade.

Estes são os patrocinadores e parceiros: Bndes, Fundação Banco do Brasil, Vale, Bradesco, Caterpillar, Comgás, Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), EDP, EMS, Itaú, Sabesp, Banco Safra, Honda, Postos Ipiranga, Pinheiro Neto Advogados, Atlas Schindler e Novalis.

Responder