Edição 271Agosto 2017
Quinta, 21 De Setembro De 2017
Editorias

Publicado em 29/07/2016 - 10:49 am em | 0 comentários

Reprodução

Escolas da rede estadual voltam às atividades na segunda-feira

Fim do recesso escolar marca o início do segundo semestre

Escolas da rede estadual voltam às atividades na segunda-feira

A partir da próxima segunda-feira, cerca de 3,8 milhões de alunos – sendo 115,5 mil da Baixada Santista – matriculados na rede estadual de ensino de São Paulo retornam às salas de aula. O fim do recesso escolar marca também o início do segundo semestre, cujo cronograma segue até a segunda quinzena de dezembro. Nos últimos dois dias, as equipes gestoras e professores estiveram reunidas para definir o planejamento escolar em todas as 5 mil unidades.

O segundo semestre é, já tradicionalmente, o período de aplicação das avaliações externas. Em novembro, os estudantes dos 3º, 5º, 7º e 9º anos do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino Médio participam do Saresp (Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo). Os resultados das provas de matemática e língua portuguesa são utilizados para orientar as ações da Pasta. Em 2015, foi registrado o melhor resultado da história nos três níveis de ensino. As notas também integram o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo (Idesp).

No mesmo mês, turmas regulares do 3º ano do Ensino Fundamental farão as provas de escrita, leitura e matemática do ANA (Avaliação Nacional da Alfabetização) organizada pelo Ministério da Educação. Na última edição, os alunos paulistas se destacaram nos índices. Em escrita, por exemplo, São Paulo mais que dobrou o número de crianças em níveis mais avançados, passando de 40,22% para 85,25%.

Crianças, jovens e adultos que queiram ingressar na rede estadual de São Paulo no segundo semestre de 2016 ainda podem garantir a matrícula. Basta comparecer a uma unidade de ensino com certidão de nascimento ou RG (registro geral). No caso de interessados menores de 18 anos, o cadastro deve ser feito por pais ou responsáveis. É aconselhável também a apresentação de comprovante de residência.