Edição 292Maio 2019
Quinta, 27 De Junho De 2019
Editorias

Publicado em 29/01/2019 - 7:34 am em | 0 comentários

Divulgação

Energia recuperada é suficiente para abastecer Itanhaém durante 11 dias

Perdas contribuem para tornar a conta de luz mais cara para todos os consumidores

Energia recuperada é suficiente para abastecer Itanhaém durante 11 dias

Em operações conjuntas com a Polícia Civil, a distribuidora Elektro recuperou em Guarujá 6 milhões de KWh (quilowatt hora) – energia suficiente para abastecer Itanhaém, no litoral Sul, com 100 mil habitantes, por 11 dias. No município foram identificados 400 casos de irregularidades em comércios, empresas e residências nos bairros Vila Santa Rosa, Santo Antônio, Santa Cruz dos Navegantes e Praia do Perequê.

As perdas contribuem para tornar a conta de luz mais cara para todos os consumidores. O valor da energia furtada e os custos para identificar e coibir as irregularidades são levados em consideração pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para estabelecer o quanto a energia custa para cada área de concessão.

Além do impacto na conta de luz, os furtos e fraudes de energia pioram a qualidade do serviço prestado, prejudicando todos os consumidores. As ligações clandestinas sobrecarregam a rede elétrica, deixando o sistema de distribuição mais suscetível a interrupções no fornecimento de energia.

Para reduzir os riscos e o furto de energia, a Elektro mantém um programa constante de inspeções. A empresa tem canais de denúncia para casos de fraudes e furtos, por meio dos quais é possível passar as informações anonimamente, como o 0800 701 0102 ou pelo site www.elektro.com.br

Quem faz ligações clandestinas ou, como são chamados popularmente, “gatos”, corre o risco de sofrer acidentes graves, muitas vezes fatais, pois envolve a manipulação de circuitos energizados. Um técnico da Elektro recebe horas de treinamentos específicos antes de atuar na rede elétrica.

Há também o risco de causar um curto-circuito que atinja a rede, podendo provocar o desligamento e a queima de equipamentos e eletrodomésticos da residência e da vizinhança.

A Elektro orienta que todos podem reduzir o valor da conta de luz mensal usando a energia elétrica de modo eficiente e evitando desperdícios, principalmente, na utilização de aparelhos, tais como ar condicionado, chuveiro, ferro de passar roupa, freezer, entre outros.

Reconhecida por nove vezes como a melhor distribuidora de energia elétrica do Brasil, a Elektro é uma empresa do Grupo Neoenergia. Com atuação em 228 municípios, sendo 223 no Estado de São Paulo e cinco no Mato Grosso do Sul, a Elektro tem uma área de concessão de 121 mil quilômetros quadrados. A empresa tem 2,6 milhões de clientes, beneficiando cerca de 6 milhões de habitantes.