Edição 310Novembro 2020
Segunda, 30 De Novembro De 2020
Editorias

Publicado em 20/05/2016 - 9:58 am em | 0 comentários

Divulgação

Avistar Brasil busca aproximar o público da natureza

Evento no Butantan incentiva a observação de aves

Avistar Brasil busca aproximar o público da natureza

O Instituto Butantan, em São Paulo, recebe de hoje a domingo um dos maiores encontros de observação de aves da América Latina, o Avistar Brasil 2016. A programação gratuita inclui exposições, palestras, oficinas de observação de aves e atividades voltadas para todos os públicos, inclusive para quem é iniciante na observação de aves. Amanhã e domingo, às 7 horas, haverá a atividade #vempassarinhar, quando os visitantes poderão conhecer e observar como vivem as aves encontradas no parque do Instituto.

Para as crianças, haverá o espaço Avistar Kids, diariamente das 10 às 17 horas, com oficinas, pinturas e educação ambiental. O destaque da programação infantil é a construção amanhã, às 10 horas, pelo arquiteto Francisco Lima, de uma casinha de joão-de-barro em escala humana. As crianças poderão entender como pássaro constrói o seu ninho e como ele vive naquele espaço.

Distribuído em auditórios e espaços ao ar livre por todo o parque do Butantan, o Avistar 2016 conta com quatro exposições, com destaque para a primeira edição de “Árvore Ser Tecnológico”, que reproduz os memes ambientais mais famosos da internet para abordar a importância da conservação, e a exposição “Floresta Viva”, de Luciano Candisani, um dos maiores fotógrafos de natureza no Brasil. O Congresso Avistar contará com mais de 100 palestras em quatro auditórios, além de ciclos temáticos: “Arte, Natureza e Tecnologia”, “Cuidados em Campo”, “Diálogos” e “Biodiversidade e Trocas”. Haverá diversos lançamentos de livros e sessões de autógrafos. Além disso, food trucks estarão espalhados pelo parque durante todo o evento.

Um dos momentos mais esperados desta edição do evento é o anúncio da redescoberta de uma das espécies de aves mais raras do planeta, que estava desaparecida há décadas. Entre os palestrantes do congresso Avistar Brasil 2016 estão renomados ornitólogos e cientistas, como John Fitzpatrick, Diretor do Laboratório de Ornitologia de Cornell, que apresentará os projetos de ciência voltados para a participação da sociedade nos EUA e Mario Cohn-Haft, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, que falará sobre sua recente expedição à Serra da Mocidade (RR). Estarão presentes, ainda, outros expoentes do estudo e divulgação das aves, como Wagner Nogueira, Luciano Lima, Vitor Piacentini, Cristian Dimitrius, Martha Argel e Haroldo Palo Jr.

O Cine Butantan também participa desta edição do Avistar, com sessões especiais, ao ar livre, de filmes sobre aves. As sessões acontecem durante o evento, a partir das 18 horas.

“A nossa missão de contribuir com a saúde pública ganha outra possibilidade muito importante de atuação. Nossa convivência com este parque resultou na criação do Observatório de Aves, de projetos ligados à botânica e manejo do parque e, principalmente, numa percepção ampliada de saúde pública, intrinsecamente ligada à biodiversidade. A ideia de ciência cidadã, que se beneficia da vivência de cada pessoa para a coleta de dados e a construção do conhecimento científico, está na origem do próprio Instituto Butantan e encontra em eventos como o Avistar uma perfeita sintonia”, destaca Jorge Kalil, diretor do Instituto Butantan, órgão da Secretaria de Estado da Saúde.

O Instituto Butantan fica na Avenida Vital Brasil, 1.500, zona Oeste da capital. Feiras, oficinas, exposições e passarinhadas são atividades abertas ao público, e não precisam de inscrição. Para participar das palestras do congresso Avistar Brasil as inscrições devem ser feitas no site do evento. A programação completa está disponível no site www.avistarbrasil.com.br

Responder