Edição 285Outubro 2018
Sábado, 20 De Outubro De 2018
Editorias

Publicado na Edição 240 Janeiro 2015

Luiz Carlos Ferraz

Hotel Comfort Santos. Padrão internacional

Hotel Comfort Santos: torre única compreende 18 pavimentos

Hotel Comfort Santos. Padrão internacional

Sandra Netto

A Torre Maior Empreendimentos está implantando na Ponta da Praia o Hotel Comfort Santos, uma bandeira da Atlantica Hotels Internacional. Localizado na Avenida Rei Alberto I, 177, junto aos clubes náuticos, a estratégia de mercado do empreendimento considerou o reconhecido déficit de leitos para hospedagem na cidade e região, além de avaliar diferentes fatores, como o cenário econômico e a projeção de investimentos no setor portuário e na cadeia de óleo e gás.

A Torre Maior foi idealizada pelos irmãos engenheiros Júlio e Lélio Console Simões, com o objetivo de investir na construção civil por meio de empreendimentos residenciais e comerciais. “Iremos introduzir um novo conceito hoteleiro na cidade, por meio da conhecida e renomada rede Atlantica”, afirmam os diretores da empresa, ao frisar que construção foi viabilizada com recursos de um pool de investidores.

Com área construída de 10.961,03 metros quadrados e implantada em terreno com 1.123.71 metros quadrados, a torre única compreende 18 pavimentos: um subsolo para autos; no térreo, lobby, recepção e restaurantes; três mezaninos de estacionamento; um pavimento com salões de festas/auditório e foyer; um pavimento com sala de eventos, reuniões e business center; 13 pavimentos de estadia, contemplando 161 suítes hoteleiras, sendo 130 simples e 31 de long stay; e cobertura com piscina, sauna, fitness center e choperia bar.

Atualmente, o edifício está em fase final de construção, com pequenos ajustes no acabamento e sendo mobiliado pela Padrão Argil, visando a entrega para a operadora hoteleira Atlantica, que através da bandeira Comfort, administrará o empreendimento.

Para a construção do edifício, a Torre Maior selou uma série de parcerias, contratando para executar o projeto a Incorbase Engenharia e atribuindo o gerenciamento à MHA Engenharia.

Hotel Comfort Santos: estratégia de mercado considerou o reconhecido déficit de leitos para hospedagemLuiz Carlos Ferraz

Hotel Comfort Santos: estratégia de mercado considerou o reconhecido déficit de leitos para hospedagem

O projeto arquitetônico foi desenvolvido pela LL Arquitetura, das arquitetas Lúcia Maria da Silva Lia e Lucienne de Almeida Cavaco Guido, em conjunto com os profissionais da Atlantica, que acompanharam as decisões desde o início. Conforme destacaram Lúcia e Lucienne, houve necessidade de adequação ao padrão da Atlantica Hotels, mais especificamente à bandeira Comfort, que busca otimização dos espaços, mas com a preocupação de atender o conforto dos usuários. “Porém, não nos limitamos em criar uma edificação que atendesse somente seus requisitos básicos”, frisaram as arquitetas: “Incluímos mais atrativos no projeto, através de espaços funcionais que pudessem inclusive ser usados não somente pelos hóspedes, mas também pelos moradores da cidade, como o restaurante e a choperia, que estão em localizações estratégicas para atrair os visitantes. Também buscamos, por meio da ambientação em todos os setores do hotel, uma interface com a história de Santos. Trouxemos para os ambientes, imagens da história da cidade e sua arquitetura, do porto, das praias, do café, e do jeito de viver do santista, para aproximar o hóspede da cultura santista. Dessa forma temos cores alegres, de clima praiano, misturadas aos tons do café”.

Os serviços de rebaixamento do lençol freático foram realizados pela Drenamar Locação de Equipamentos. De acordo com o diretor Marcelo Franco, a empresa atua no ramo de locação de equipamentos para rebaixamento do lençol freático desde 1985. “Os equipamentos utilizados registram baixo consumo de energia”.

A Teste Engenharia prestou serviços de controle tecnológico do concreto, isto é, moldagem e rompimento de corpos de prova para o controle de qualidade do concreto. “O Slump Test é um ensaio feito quando da moldagem dos corpos de prova para determinar a consistência do concreto”, detalhou o diretor da Teste, engenheiro Franco Pagani.

Na alvenaria foram utilizados os blocos cerâmicos de vedação das famílias 9x19x39, 11,5x19x39 e 14x19x39, da Cerâmica City, que atendeu o projeto com produtos de acordo com as especificações e cronograma da obra. O diretor Constantino Bueno Frollini destacou que os blocos cerâmicos significam sustentabilidade na construção, pois geram menor impacto ambiental se comparado aos produtos de concreto. “Um metro quadrado de parede feita de blocos cerâmicos necessita de 24% menos água”, informa, ao acrescentar: “As paredes com blocos cerâmicos têm impacto 50% menor na emissão de gases de efeito estufa, principalmente por utilizarem, em sua fabricação fontes de energia renováveis, como cavaco de madeira e biomassas descartadas por outras indústrias. Também consomem 43% menos recursos naturais não renováveis que uma parede de bloco de concreto”. Além disso, a alvenaria de cerâmica tem melhor isolamento térmico, tornando o ambiente mais agradável e climatizado de forma natural; e proporciona melhor vedação à umidade, resultando em ambiente mais seco e saudável.

A Citel Montagens Elétricas foi responsável pelas instalações elétricas, infraestrutura para Sistema de Detecção e Alarme de Incêndio, Sistema de Circuito Fechado de TV, Sistemas Eletrônicos de Telecomunicação e Sinal Lógico, de todo o empreendimento, que dispõe de uma entrada de energia em Média Tensão (15KV) e um Grupo Gerador de Energia de 500 KVA, com equipamentos de última geração, tais como cubículos de medição e proteção de média tensão em SF6. “O emprego de tais equipamentos possibilitou a contratação de tarifa verde junto à CPFL, sendo que no horário de ponta o grupo gerador assumirá o fornecimento de energia. Tal procedimento irá proporcionar uma considerável redução de custos relativos à energia elétrica”, informou o diretor técnico Odil Porto Jr.

No Hotel Comfort Santos foram utilizadas a linha D’Oro, nas janelas e portas em geral, e a linha Shadow, na fachada pele de vidro localizada no térreo, com os perfis da CDA e acessórios Udinese, fabricados e instalados pela Unika Esquadrias de Alumínio. A Unika, conforme destaca o diretor Rogério Ruiz Garcia, trabalha com qualidade desde a elaboração do orçamento, passando pelo projeto, fabricação, instalação e, principalmente, dando todo o suporte necessário durante e após a entrega da obra.

A Izaias Quirino Serralheria realizou o trabalho de confecção e instalação de 380 m2 de estrutura metálica, com revestimento das colunas e marquise tipo colmeia, para a entrada do hotel em ACM Branco, o que proporciona um diferencial no empreendimento, considerando que toda a marquise de viga I foi coberta de ACM, dando delicadeza e beleza no acabamento. A empresa, frisou o diretor Izaias Quirino, também executou o reforço estrutural com ART em ferro galvanizado a fogo para recebimento da pele de vidro.

Todo o edifício é revestido com produtos da Cerâmica Atlas. A fachada utilizou cerca de 8.000 m2 de revestimento cerâmico 7,5×7,5, na cor bege (referência OM 11912), e pastilhas de porcelana 5×5, nas cores amarelo (referência B 12994) e telha (referência B 12995). Por se tratar de produto de baixa absorção de água, < 0,5%, e baixa expansão por umidade, este revestimento é o ideal para o uso em fachadas, principalmente em prédios no litoral.