Edição 308Setembro 2020
Segunda, 26 De Outubro De 2020
Editorias

Publicado na Edição 254 Março 2016

Divulgação

Lepri conquista “Best in Show”

Ecopastilha Paper Biancheto 3x3 + Étnica Biancheto 5x5

Lepri conquista “Best in Show”

A Lepri – Finas Cerâmicas Rústicas venceu pela segunda vez o Prêmio “Best in Show – Ceramics of Brasil” na categoria Sustentabilidade, com os revestimentos Ecopastilha Paper Bianchetto e Ecopastilha Etnica Bianchetto. Os produtos serão expostos em abril na Università Degli Studi di Milano, na Itália, como parte da mostra Brazil S/A durante a Feira de Milão, no “Fuorisalone”, o festival mais tradicional e importante do mundo.

Fabricadas com vidro de lâmpadas fluorescentes e de telas de computadores, aparelhos de TV reciclados e resíduos da produção de louças Deca, a Ecopastilha Paper e a Ecopastilha Etnica, ambas na cor Bianchetto, foram expostas no estande da Lepri na Expo Revestir 2016, feira de arquitetura e construção.

A Ecopastilha Paper está disponível no formato 3 x 3 cm e telada em placas de 33 x 33 cm, nas cores Gialetto, Verde Amazonia, Azul Noronha, Branco Brilhante, Castor, Cioccolato, Fendi, Bianco (branco fosco), Bianchetto, Biologica Crema e Biologica Cappuccino. Já a Ecopastilha Etnica está disponível nas colorações Bianchetto e Cinza Manhattan, no formato 5 x 5 cm e telado em placas de 33 x 33 cm.

O “Best in Show – Ceramics of Brasil” foi criado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres (Anfacer), que representa o setor nacional e internacionalmente, em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), e objetiva destacar ainda mais os produtos nacionais de alto valor agregado.

Fundada em 1971 por José Lepri, a Lepri produz pisos e revestimentos cerâmicos sustentáveis. Pioneira na reutilização de vidros de lâmpadas fluorescentes reciclados na fabricação de seus produtos, a empresa, em prol do meio ambiente, viu a necessidade de se fazer o descarte correto deste material para evitar que seus componentes tóxicos contaminassem o solo e os seres vivos. Com essa inovação, a marca ainda conseguiu reduzir a temperatura de queima dos produtos, resultando na redução de emissão de poluentes e na economia de gás natural. Em 2010, a Lepri tornou-se membro do Green Building Council, que busca promover a indústria de construção sustentável no Brasil.

Em 2016, na busca por produtos ecologicamente sustentáveis, a Lepri desenvolveu uma técnica para reaproveitar rejeitos da mineração na produção de uma nova linha de revestimentos Brick. Essa linha está sendo fabricada a partir da lama da barragem de Fundão, em Mariana, Minas Gerais. Inicialmente, o processo foi desenvolvido para uma linha específica de produtos Lepri, mas a tendência é estender para outras. Os produtos levam os nomes de Mariana, Ouro Preto, Ouro Branco e Cappuccino. Mais em www.lepri.com.br

Responder