Edição 273Outubro 2017
Terça, 21 De Novembro De 2017
Editorias

Publicado em 31/07/2016 - 2:36 pm em | 0 comentários

Reprodução/BandSports

Simone Duarte conquista cinturão brasileiro no Jungle Fight

Decisão dos árbitros apontou vitória da Mulher Gato

Simone Duarte conquista cinturão brasileiro no Jungle Fight

A lutadora de MMA Simone Duarte, a Mulher Gato, patrocinada pela Memorial Necrópole Ecumênica, derrotou a paranaense Bianca Daimoni, a Bibi, por decisão dos árbitros, e conquistou na noite de ontem, na capital paulista, o cinturão brasileiro peso mosca (57 kg) na versão Jungle Fight.

O combate aconteceu no ginásio Mauro Pinheiro, no complexo do Ibirapuera, e foi transmitido ao vivo pela Band, Bandsports e o Portal Band na internet.

Simone Duarte mostrou superioridade nos três roundes da luta. Com mais técnica que a adversária, especialmente na trocação, Simone conseguiu desviar-se dos golpes da adversária, ao mesmo tempo em que encaixou diretos e cruzados, chegando a abrir o supercílio esquerdo de Bibi.

Com a desvantagem na luta em pé, a paranaense tentou travar o combate no chão e, em duas oportunidades, por pouco não finaliza, após chave de braço. Demonstrando também estar com o jiu-jitsu em dia, Simone teve habilidade para se livrar e manter a vantagem.

Foi a terceira luta de Simone no Jungle Fight, que é considerado o maior evento de MMA da América Latina, e seu primeiro título brasileiro nesta modalidade, que é um mix de artes marciais. Simone também detém três cinturões de boxe, entre os quais, campeã mundial na categoria Galo pela Comissão Mundial de Boxe (CMB).

Os treinos de boxe de Simone foram realizados com o marido, o ex-pugilista Marco Duarte; muay thay, com Márcio André; jiu-jitsu com Wagner Nascimento e Erisvaldo; preparação física com Sandro Silva; e apoio de Robson e Roni.

Simone permanece invicta no MMA com um cartel de quatro lutas. Em sua estreia no Jungle Fight, em janeiro, venceu por finalização a mineira Camilla Guimarães Reis. Em junho passado, com um clássico “mata-leão”, aos 2m45s do segundo rounde, ganhou da paraense Samara “Marituba” Santos. Em outra versão, por nocaute, Simone tem sua terceira vitória em MMA.

O cartel de Bianca agora soma oito lutas, sendo seis vitórias (cinco por nocaute e uma por decisão dos juízes) e duas derrotas, uma por finalização e esta, por pontos.

O Jungle Fight 89 teve outras 18 lutas. Na disputa do cinturão interino peso mosca (até 57 kg), a vitória foi do manauara Paulinho Capoeira sobre o brasiliense Heberth Sousa Reis, o Índio.