Edição 275Dezembro 2017
Segunda, 18 De Dezembro De 2017
Editorias

Publicado em 28/04/2017 - 10:35 am em | 0 comentários

Divulgação

Orçamento 2018 de Santos prevê arrecadação de R$ 2,677 bilhões

Prefeito Paulo Alexandre entregou LDO e PPA ao vereador Adilson Júnior

Orçamento 2018 de Santos prevê arrecadação de R$ 2,677 bilhões

O presidente da Câmara de Santos, vereador Adilson Junior (PTB), recebeu ontem das mãos do prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB) o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a revisão do Plano Plurianual (PPA) de 2018. A arrecadação prevista no orçamento de 2018 é de R$ 2,677 bilhões. Entre as maiores receitas está o ISS com R$ 478,7 milhões, seguido pelo IPTU com R$ 338 milhões e ICMS com R$ 331 milhões. O orçamento da Câmara Municipal de Santos para 2018 está previsto em R$ 87,884 milhões.

A entrega dos documentos, que aconteceu na presidência do Legislativo, foi acompanhada pelo secretário de Finanças do município, Maurício Franco, além de vereadores e assessores da Prefeitura.

Ao encaminhar os documentos, Paulo Alexandre citou que o Executivo realizou todas as medidas necessárias para manter as conquistas alcançadas. Explicou que o governo continuará buscando parcerias com os governos Estaduais, Federais e Iniciativa Privada para os projetos saírem do papel: “Este é um orçamento dentro da realidade da cidade. A perspectiva é de uma melhora gradual da economia, o que reflete na nossa arrecadação. Vamos continuar nosso trabalho com responsabilidade”.

No mesmo dia, o presidente Adilson Junior deu entrada nos dois projetos no plenário da Câmara, para que eles comecem a tramitar. A LDO determina prioridades para a elaboração da Lei Orçamentária Anual, que detalha recursos e despesas. Já o PPA define diretrizes e metas para os próximos anos, nas áreas de saúde, educação, habitação, meio ambiente, entre outros. As duas peças orçamentárias serão avaliadas pelos vereadores.