Edição 271Agosto 2017
Sábado, 23 De Setembro De 2017
Editorias

Publicado na Edição 262 Novembro 2016

Divulgação

Obtendo resultados sem consumir carne

Dieta equilibrada garante o consumo de proteínas para ganho de massa magra

Obtendo resultados sem consumir carne

Conquistar um corpo definido e tônus muscular estão entre os principais desejos dos praticantes de musculação, a atividade mais recomendada para o ganho de massa magra. Porém, investir na malhação não é a única regra para aqueles que desejam conquistar a boa forma, pois seguir uma alimentação balanceada e rica em proteínas, especialmente as de origem animal, é tão importante quanto suar na academia.

A relação dieta x exercícios é fundamental tanto para o desempenho quanto para os resultados – fator que pode gerar dúvidas nos adeptos ao vegetarianismo. Por restringir de forma total ou parcial o consumo de alimentos de origem animal, esta opção alimentar parece pouco favorável àqueles que desejam desenvolver músculos. Contudo, tal crença é mito: quando bem orientada, a dieta com restrição ao consumo de carne pode ser tão nutritiva quanto a onívora e propiciar o aporte proteico necessário para o ganho de massa magra, desde que alguns cuidados sejam tomados.

As dietas que excluem o consumo de carnes como a vegetariana estrita, a vegana, a ovolacto-vegetariana e suas variações são as que mais geram questionamentos quanto a sua eficácia no ganho de massa magra, uma vez que existe o consenso de que estes alimentos são substanciais para a oferta de nutrientes construtores dos músculos.

Para a nutricionista Sinara Menezes, da Nature Center, isso ocorre porque ainda que existam vegetais ricos em proteínas, a disponibilidade desse nutriente no organismo varia conforme sua fonte.