Edição 271Agosto 2017
Sábado, 23 De Setembro De 2017
Editorias

Publicado na Edição 251 Dezembro 2015

Cuidados com a pele no Verão

Com a chegada do verão e do calor, o corpo precisa de atenção especial visando prevenir o risco de doenças infecciosas, como micoses na pele e nas unhas. Segundo a médica Christiana Blattner, membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia, a micose é um tipo de doença de pele causada pela presença de fungos. “A micose de unha, ou onicomicose, apresenta sintomas como descolamento ou alteração na espessura ou textura da unha, mudança de cor”, explica a especialista de Campinas: “A unha fica frágil e quebradiça. É muito comum nos pés, e pode acometer pessoas que suam bastante na região, ou que passam muito tempo com tênis e sapatos fechados, porque este ambiente úmido é propício para os fungos causadores da doença”.

Além da unha, a micose também pode afetar outras partes do corpo, geralmente as mais expostas à umidade. Como precaução, Christiana dá algumas dicas: “É importante secar bem a virilha após o banho, principalmente por causa das sungas e biquínis molhados, típicos do Verão. Outra medida importante é verificar os espaços entre os dedos dos pés, secando-os muito bem, evitando que a umidade e o calor favoreçam a proliferação dos fungos causadores das micoses”. Usar roupas confortáveis, com tecidos mais leves e sapatos mais abertos também são medidas que contribuem para maior saúde da pele. Da mesma forma, usar diariamente o protetor solar é imprescindível: “Quem vai à praia ou piscina e vai ficar mais exposto ao sol deve reforçar a proteção com chapéu e óculos escuros”.

Quem sofre de hiperidrose, suor excessivo, também pode ter mais transtorno durante épocas mais quentes. A doença, que tem como principais sintomas suor intenso nas mãos, nas axilas, nos pés, na face e no couro cabeludo, pode se agravar devido ao calor. No Brasil, cerca de 2,8% da população sofre com o problema.