Edição 322Novembro 2021
Segunda, 06 De Dezembro De 2021
Editorias

Publicado na Edição 314 Março 2021

Divulgação

EDP entrega usina solar para a NGK

Previsão é gerar 1.821 MWh e evitar a emissão de 104 toneladas de CO2 por ano

EDP entrega usina solar para a NGK

A multinacional EDP, que atua no setor elétrico por meio da EDP Smart, entregou sua segunda usina de energia solar construída para a NGK do Brasil, que opera nos segmentos automotivo e de revestimentos porcelanizados. Localizada em Mogi das Cruzes, no interior de São Paulo, a nova planta abastecerá a fábrica com 1.821 MWh de energia ao ano, o suficiente para abastecer 758 residências com consumo médio anual de 2.400 kWh.

O empreendimento conta com 3 mil módulos de 420 Wp e nove inversores, que utilizam dois hectares do terreno da fábrica. Para aproveitar ao máximo a área disponível, a EDP desenvolveu uma solução que dividiu a instalação das placas solares entre telhado e solo, com a energia gerada sendo injetada na própria planta industrial. A nova usina solar vai render economia de 7% no consumo de energia da empresa, além de benefícios ao meio ambiente, deixando de emitir anualmente 104 toneladas de gás carbônico, o que corresponde ao plantio de 645 árvores. Em novembro de 2019, a EDP já havia entregue um projeto-piloto para a NGK com potência instalada de 36,7 kWp, com 102 módulos de 360 Wp. “Este projeto reflete o empenho da EDP em fornecer soluções sob medida para seus clientes, já que o empreendimento foi dividido entre duas áreas do terreno da NGK, além de garantir economia e mais sustentabilidade à operação da empresa”, afirma Carlos Andrade, VP de Estratégia e Novos Negócios da EDP.

Responder