Edição 327Abril 2022
Terça, 17 De Maio De 2022
Editorias

Publicado na Edição 322 Novembro 2021

Divulgação

Meliá volta a receber clientes internacionais

Lobby do INNSide New York Nomad

Meliá volta a receber clientes internacionais

Com o fim das restrições às viagens, a Meliá Hotels International está confiante de que haverá uma rápida recuperação da demanda internacional para seus dois hotéis nos EUA: o INNSide New York Nomad, no coração de Manhattan, e o Meliá Orlando Celebration, a poucos minutos do Walt Disney World e do Universal Studios, o maior complexo de parques temáticos do mundo. O número de reservas nos dois hotéis já é 5% superior ao do mesmo período de 2019, antes da pandemia. No INNSide New York, localizado no bairro de Chelsea, 45% das novas reservas são do mercado internacional. Já no Meliá Orlando, os números chegam a 30%, sendo que a maior procura vem de países europeus, seguido pelo Canadá e países da América Latina.

Para continuar estimulando a demanda, a Meliá lançou campanha em todos os seus canais diretos e agências de viagens. Além disso, as vantagens do programa Stay Safe with Meliá estão inclusas, garantindo as medidas de saúde e segurança para uma estadia segura nos hotéis.

O desejo de viajar para os Estados Unidos após 18 meses de isolamento também levou a empresa a aprimorar a experiência dos hóspedes inserindo um pouco da cultura americana. Em linha com a filosofia da marca de construir uma conexão entre o hotel e o destino em si, os hóspedes receberão informações, durante sua estadia, sobre as tradições mais arraigadas da cultura popular americana, como o feriado de Ação de Graças ou as celebrações do Natal, entre outras dicas. Informações de interesse sobre a agenda cultural da cidade também serão compartilhadas. “Queremos que nossos clientes sintam o entusiasmo de nossas equipes”, comenta Sara Ranghi, diretora de Marketing da Meliá nos EUA: “Você terá uma recepção extremamente calorosa depois de passarmos tantos meses distantes. Além disso, ajudaremos você a descobrir toda a magia da cultura americana por meio das celebrações mais tradicionais”.

Responder