Edição 310Novembro 2020
Sexta, 04 De Dezembro De 2020
Editorias

Publicado em 16/11/2020 - 7:08 am em | 0 comentários

Divulgação

Portos buscam mais eficiência

Representantes do Santos Port Authority visitaram porto de Antonina

Portos buscam mais eficiência

Nelson Tucci

O porto de Santos uma vez mais é o principal assunto quando se trata de modal de transporte. Nesta segunda, 16, o ministro Tarcísio Gomes de Freitas, da Infraestrutura, será recebido no principal porto brasileiro para assinar dois contratos de terminais leiloados, em agosto. Já no último dia 10 diretores da Autoridade Portuária de Santos estiveram visitando o porto de Antonina, no Paraná, para debater o incentivo à cabotagem, criando novas rotas e permitindo a redução de custos na navegação.

INFRA – O ministro da Infraestrutura passará pelo porto de Santos às 9 horas desta segunda-feira para assinar o contrato com os consórcios vencedores: Eldorado Brasil Celulose e Bracell Celulose. Na oportunidade, ele visitará, no mesmo complexo, o Terminal Integrador Portuário Luiz Antonio Mesquita (Tiplam/VLI), o Armazém Projeto Vertere (Suzano/DPW) e o Terminal Exportador de Santos (TES).

Reunião discutiu incentivo à cabotagem

CABOTAGEM – Direção do porto de Antonina/PR recebeu a visita de representantes da diretoria de Desenvolvimento de Negócios e Regulação da Autoridade Portuária de Santos – Santos Port Authority para discutir o incentivo à cabotagem (com a criação de novas rotas e redução de custos), à organização e à estrutura da empresa Terminais Portuários Ponta do Félix (TPPF), operadora daquele porto, bem como a movimentação de cargas diferenciadas. “O TPPF tem grande potencial de crescimento a curto prazo”, disse o santista Luiz Henrique Garcia durante a visita.

O porto de Antonina – que tem 60 mil m2 de infra de armazenagem, com capacidade estática de 200 mil toneladas e que obras em andamento – registrou o quinto maior crescimento entre os 19 portos brasileiros, no ano passado. Seu volume de cargas foi 17,3% maior que o de 2018, enquanto a média nacional ficou em 10,3%.

Leia mais em www.veiculosenegocios.blogspot.com.br

Veículos & Negócios é publicada mensalmente na versão impressa do jornal Perspectiva e atualizada semanalmente no blog.

Responder