Edição 285Outubro 2018
Segunda, 22 De Outubro De 2018
Editorias

Publicado em 7/03/2018 - 4:45 pm em | 0 comentários

Isabela Carrari/Secom-PMS

Operação Verão registra queda na violência na Baixada Santista

Policiais mais experientes em vez dos formandos

Operação Verão registra queda na violência na Baixada Santista

A Operação Verão 2017/2018 foi encerrada com queda da violência em cinco dos seis indicadores verificados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública, em relação à temporada 2016/2017. Os dados, que abrangem 16 municípios entre Baixada Santista e Litoral Norte, foram anunciados hoje, em Santos, pelo secretário de Segurança Pública, Mágino Alves.

Presente no evento, realizado no Palácio da Polícia, no Centro Histórico de Santos, o governador em exercício Márcio França disse que a tendência é a criação da Operação Fluxo: “O pensamento é que a polícia também se desloque para o litoral, acompanhando a movimentação dos turistas nos finais de semana prolongados”. Isso significa colocar nas ruas um efetivo policial semelhante ao da Operação Verão. Esse reforço policial ainda não tem data para começar.

O balanço positivo mostrou que o latrocínio (roubo seguido de morte) caiu 60% da Operação Verão 2016/17 para a operação 2017/2018; roubo em geral, -17%; roubo de carros, -36%; furto em geral, -16%; furto de carro, -7,6%; e o homicídio subiu de 33, em 2016/2017 para 35 na Operação Verão 2017/2018.

Em Santos, a taxa de homicídios de todo o ano passado foi de 2,26 para cada 100 mil habitantes.

Mágino Alves explicou que a última Operação Verão usou policiais mais experientes em vez dos formandos e ele acredita que essa mudança de estratégia refletiu nos números positivos.

A operação contou com 2.954 policiais militares, e 2.726 vagas para policiais civis atuarem por meio da Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho e mais 152 viaturas atuando na Baixada Santista e 68 no Litoral Norte, além do uso de helicóptero.

“Isso representou 400 policiais militares e 40 policiais civis, por dia, reforçando o policiamento do litoral paulista”, disse o titular da Segurança Pública.

Confira os dados:

90.058 pessoas abordadas

88.703 veículos fiscalizados

66 armas apreendidas

275 prisões em flagrante

2,3 toneladas de drogas apreendidas

406 crianças perdidas foram recuperadas

1.539 pessoas salvas pelos bombeiros

1.957 estabelecimentos comerciais vistoriados

186 mil autuações de trânsito nas rodovias

43.514 ações de prevenção ao crime.