Edição 306Julho 2020
Sábado, 15 De Agosto De 2020
Editorias

Publicado em 10/03/2020 - 7:27 am em | 0 comentários

Divulgação

ONG abre inscrições para ajudar refugiados e migrantes venezuelanos

Acesse o site: meta é proporcionar fonte de renda no país

ONG abre inscrições para ajudar refugiados e migrantes venezuelanos

Iniciaram ontem as inscrições ao projeto Ven, Tu Puedes!  Vem, Você Pode – Empregabilidade e Empreendedorismo para Refugiados e Migrantes Venezuelanos, que é um plano de ação humanitária implementado pela Ong Visão Mundial Brasil e financiado pelo Bureau de População, Refugiados e Migrantes (PRM) do governo dos EUA, buscando transformar positivamente a vida dos venezuelanos em situação de vulnerabilidade no país.

O objetivo do projeto é proporcionar capacitação profissional e profissional para a estabilidade econômica e familiar de migrantes e refugiados venezuelanos vulneráveis. A ação para Cadastramento de Beneficiários acontece em Boa Vista/RR, São Paulo/SP e Manaus/AM. Em Boa Vista também terá emissão de Carteira de Trabalho Digital (São Paulo e Manaus ainda irão confirmar as datas para início desta ação).

Segundo dados da Agência da ONU para Refugiados (Acnur) e Organização Internacional para as Migrações (OIM), são mais de 4 milhões de venezuelanos que deixaram o país desde 2015 por conta da crise política e social que vem assolando a região e o Brasil é o quarto na América do Sul a abrigar os migrantes, apenas atrás da Colômbia, Chile e Peru. Até o fim de janeiro deste ano, o Comitê Nacional para Refugiados (Conare), recebeu mais de 100 mil pedidos de refúgio de cidadãos que se disseram perseguidos pelo regime de Nicolás Maduro, destes, 40 mil já tiveram o status reconhecido.

A meta é que até setembro 3.600 refugiados e migrantes venezuelanos em situação de vulnerabilidade recebam capacitação profissionalizante e empreendedora para ampliar suas oportunidades de trabalho no mercado brasileiro e consigam emitir Carteira de Trabalho Digital (em 2 anos a meta é chegar em 7.200 cadastrados). Os migrantes venezuelanos inscritos no projeto serão beneficiados com orientação laboral para aumentar a renda familiar; capacitação técnica para o desenvolvimento de vistos e currículos; promoção de habilidades, como aulas de língua portuguesa; treinamento vocacional; aulas de empreendedorismo; e serviços de inclusão profissional no mercado de trabalho formal.

Para Amanda Gomes, coordenadora do Ven, Tu Puedes! em Boa Vista, a expectativa é provocar uma mudança de mentalidade: “Esperamos que os próprios migrantes, apesar de todas as dificuldades que estão passando, possam ensinar aos brasileiros que em meio à crise podem surgir oportunidades inimagináveis e muitas vidas transformadas”.

Em Boa Vista as inscrições serão realizadas até sexta-feira, 13, no Centro Multicultural da Orla Taumanan, no Centro. Em São Paulo, por enquanto o cadastramento será toda segunda-feira, das 9 às 18 horas, no escritório da Ong, localizado na Praça Princesa Isabel, no Centro da capital; outro local fixo para cadastramento ainda será informado. Em Manaus, também até sexta-feira, 13, o cadastramento será hoje e amanhã, no Abrigo Oasis e Oasis II, e na quinta e sexta-feira, no Abrigo Refúgio Esperança.

A maior operação da Ong Visão Mundial Brasil em resposta à emergência da crise migratória foi iniciada em setembro de 2019. Na ocasião, a organização assinou um contrato com o Bureau of Population, Refugees, and Migration (PRM) para executar o projeto Protecting vulnerable Venezuelans in Brazil through Livelihood Assistance (Protegendo venezuelanos vulneráveis no Brasil por meio de assistência à subsistência), que consiste em fornecer assistência à subsistência e aumentar a renda familiar de 7.200 venezuelanos vulneráveis, entre 18 e 35 anos, que vivem nas cidades de Boa Vista, Manaus e São Paulo.

O projeto financiado pelo governo dos Estados Unidos terá duração de dois anos e uma equipe nacional de 32 colaboradores, que irão trabalhar em três eixos principais: Empregabilidade, Empreendedorismo e Envolvimento do Setor Privado.

Um dos mais importantes diferenciais do Projeto PRM é a possibilidade de mobilizar empregadores brasileiros para a contratação de migrantes venezuelanos. A Visão Mundial realizará workshops de apresentação do projeto em várias cidades do Brasil com o objetivo de sensibilizar empresários para a causa da migração e apoiá-los na criação e implementação de políticas trabalhistas para refugiados. Para isso, uma das ferramentas oferecidas pela Visão Mundial, será um selo de reconhecimento e qualificação especial para as empresas que incluírem refugiados em seus quadros de funcionários.

A Visão Mundial Brasil integra a parceria World Vision International, que está presente em cerca de 100 países. No país, a Visão Mundial atua desde 1975, beneficiando 2,7 milhões de pessoas com projetos nas áreas de educação, saúde/proteção da infância, desenvolvimento econômico e promoção da cidadania. Seus projetos e programas têm como prioridade as crianças e adolescentes que vivem em comunidades empobrecidas e em situação de vulnerabilidade. Nesses 44 anos de atuação no Brasil, a Visão Mundial se consolida como uma organização comprometida com a superação da pobreza e da exclusão social. Mais em www.visaomundial.org

Responder