Edição 298Novembro 2019
Terça, 10 De Dezembro De 2019
Editorias

Publicado em 20/06/2019 - 7:46 am em | 0 comentários

Divulgação

Mercado de certificação digital registra crescimento no país

Normatização fortalece ainda mais o setor

Mercado de certificação digital registra crescimento no país

O segmento de certificação digital no padrão da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil continua em expansão e registra um crescimento de 32% no ano. De janeiro a maio de 2019 foram emitidos 2.211.789 certificados digitais, ante os 1.674.252 no mesmo período do ano passado. Maio bateu o recorde de emissões desde 2010: foram 497.672 certificados digitais emitidos.

O número de certificados digitais emitidos entre junho de 2018 a maio de 2019 alcançou 4.953.954, com um incremento de 31, 67% em comparação ao mesmo período entre junho de 2017 e maio de 2018 que registrou o equivalente a 3.762.322.

O balanço do número de emissões foi divulgado pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI) no mesmo dia em que foi publicada no Diário Oficial da União, edição de 14 de junho, a Resolução nº 151, que atualiza os normativos da política de certificação digital. O ITI é uma autarquia federal, vinculada a Casa Civil da Presidência da República, que tem por missão manter e executar as políticas da ICP-Brasil.

As instruções foram aprovadas na última reunião do Comitê Gestor da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – CG ICP-Brasil, realizada em maio passado.

A nova redação dos normativos busca atender a conformidade com o Programa WebTrust de Princípios e Critérios para Autoridades de Certificação, além de oportunizar a simplificação dos processos e redução de custos na infraestrutura da ICP-Brasil.

O diretor-presidente do ITI, Marcelo Buz, destaca que “o momento é um marco para todos os integrantes da ICP-Brasil pois começa a ser traçado um novo cenário para o segmento de certificação digital e para a digitalização do país”. Buz afirma que que a “nova regulamentação vai facilitar a gestão, a entrega e o acesso ao certificado digital aos brasileiros”.

Mais em www.iti.gov.br