Edição 271Agosto 2017
Sábado, 23 De Setembro De 2017
Editorias

Publicado na Edição 271 Agosto 2017

Workshop debate exposição na Internet

Workshop debate exposição na Internet

Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) e Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) promoverão o Workshop “Impactos da exposição de crianças e adolescentes na Internet”, em 18 de setembro, em São Paulo, para pesquisadores, educadores, advogados, psicólogos, pais e responsáveis, além de demais interessados em debater o tema. Inscrições gratuitas em http://workshopexposicaonainternet.nic.br


Coordenadoria de Assistência Judiciária (Cadoj) da Prefeitura de Santos ampliou o atendimento ao cidadão e, além da unidade da Praça José Bonifácio, 50, 2º andar, no Centro (com expediente de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas), criou posto no Legislativo, na Praça Tenente Mauro Batista de Miranda, 1, na Vila Nova. Por meio de um termo de cooperação entre a Prefeitura e a Câmara, um advogado da Cadoj atende toda segunda-feira das 14 às 17 horas, na sala Rony Dutra, no 1º andar.


A Laramara, Associação Brasileira de Assistência à Pessoa com Deficiência Visual, com sede na Barra Funda, zona Oeste de São Paulo, assiste crianças, jovens e adultos cegos, com baixa visão ou múltiplas deficiências associadas, com utilização de equipamentos de última geração e profissionais qualificados. São mais de 30 opções de atendimentos gratuitos especializados que contribuem com a inclusão social. Para doar entre em contato pelo site www.laramara.org.br


Consumi_surf_de_jalecoUma prancha autografada e doada pelo campeão mundial de surf Gabriel Medina será rifada no 1º Festival Surf de Jaleco, em 21 de outubro, no Quebra-Mar, em Santos. O evento é organizado por um grupo de médicos, que elegeu a Casa da Esperança de Santos como destinatária dos recursos a serem arrecadados. Com 60 anos de atuação, a Casa da Esperança de Santos atende 285 crianças e adolescentes com algum tipo de deficiência. Informações no site www.surfdejaleco.com.br


Se você tem acima de 18 anos e disposição para ouvir pessoas pode ser candidato a voluntário do Centro de Valorização da Vida (CVV). Informe-se no posto de Santos, na Estação da Cidadania, na Avenida Ana Costa, 340, onde são realizados cursos de capacitação para serviço voluntário gratuito de apoio emocional e prevenção ao suicídio para pessoas que querem e precisam conversar sob total sigilo. Informações pelos telefones 141 e 3234.4111, plantão 24 horas, ou pelo e-mail santos@cvv.org.br

CARTAS para esta coluna: Jornal Perspectiva, Consumidor & Cidadania, e-mail: redacao@jornalperspectiva.com.br