Edição 321Outubro 2021
Quinta, 28 De Outubro De 2021
Editorias

Publicado na Edição 313 Fevereiro 2021

Luiz Carlos Ferraz

Completo em todos os sentidos

Maiorca: padrão de qualidade mediante o uso de produtos e sistemas de marcas consagradas

Completo em todos os sentidos

Sandra Netto

Mais uma realização da Engeplus Construtora e Incorporadora, o Residencial Maiorca está sendo entregue na Rua Vergueiro Steidel, 221, Embaré, em Santos. Implantado em terreno de 1.411,36 metros quadrados, o empreendimento é perto de toda a comodidade que a vida moderna exige, como praia, shopping, escolas, cinemas, supermercados, restaurantes, e do diversificado comércio das avenidas Epitácio Pessoa e Pedro Lessa.

“Além da excelente localização, o Maiorca também é completo nas opções de apartamentos”, destaca a diretoria da Engeplus, constituída com a tradição de três gerações de engenheiros, Roberto Barroso, Roberto Barroso Filho e Diogo Godinho Barroso. Apesar dos inúmeros desafios gerados pela pandemia, eles comemoram a venda de praticamente todas as unidades, restando apenas duas de 1 dormitório.

Para Roberto Barroso, um dos motivos de as vendas terem sido um sucesso se deve ao pouco retorno proporcionado pelos investimentos bancários: “As pessoas estão priorizando a compra de imóveis, pois é um investimento mais seguro e com retorno garantido. Inclusive, o lançamento de nosso próximo empreendimento, o Residencial Mykonos, feito no final do ano, registra 50% do prédio vendido, muitas unidades pagas à vista”.

A torre única do Maiorca contempla apartamentos de 1, 2 e 3 dormitórios, que adotam o conceito aberto, integrando a varanda com sala e cozinha. Com 18 pavimentos, as vagas de garagem estão distribuídas no subsolo, térreo e dois mezaninos. No pavimento equivalente ao terceiro andar estão o salão de festas e amplo terraço – parte do lazer do empreendimento, que também ocupa a cobertura exclusiva e inclui piscina com deck, saunas úmida e seca, fitness center, brinquedoteca, salão de jogos e terraço grill com churrasqueira e solarium. Do 4º ao 13º pavimento estão as unidades com 3 dormitórios sendo 1 suíte, enquanto do 14° ao 17° pavimento ficam os apartamentos com 2 suítes. Uma segunda planta de apartamentos com 2 suítes e os apartamentos com 1 suíte também ocupam do 3º ao 17° pavimento.

O projeto arquitetônico é de autoria do escritório Passareli Zonis Arquitetura e Engenharia e foi elaborado levando-se em consideração as boas condições de insolação, ventilação e iluminação. Entre as soluções utilizadas, as unidades têm medição de água individual e preparação para aquecimento central de água e instalação de ar condicionado do tipo split. “Outra característica do edifício que marca a qualidade do nosso padrão construtivo é ser ecologicamente correto”, frisou Diogo, que, junto com o pai Barroso Filho, assina como engenheiro responsável pela obra.

Na questão da sustentabilidade, o sistema de reaproveitamento das águas de chuva (para uso nos vasos sanitários do prédio e lavagem das garagens e passeio público), mediante tratamento com ozônio, pode gerar economia entre 20 a 30% na conta de água. Além disso, a iluminação nas áreas comuns e espaços de lazer é toda em LED.

O padrão de acabamento é o mesmo dos residenciais Ibiza, Ilha de Capri e Santorini, construídos recentemente. A fachada é toda revestida de pastilha cerâmica, com produtos 100% Portobello; e, além da pele de vidro espelhado até o terceiro andar, foram utilizadas placas cerâmicas de 1,20 x 1,20, azul marmorizado. A Engeplus também modernizou a entrada, com a utilização de vidro temperado sem borda, substituindo a caixilharia de alumínio por estrutura e botões em inox. Em todas as unidades os vidros dos terraços são laminados e as janelas dos dormitórios são de correr com 4 folhas e venezianas de enrolar, e demais itens exigidos pela norma brasileira de desempenho. Os apartamentos também são entregues com porcelanato Portobello no dormitório, terraço e sala.

O Maiorca é dotado de gerador de energia para situações de emergência e sistema de CFTV, com toda infraestrutura e câmeras de monitoramento nas garagens e demais pavimentos, incluindo espaços da cobertura. Há detectores de fumaça nos corredores e a escadaria de serviço é pressurizada.

Diogo esclareceu que a estratégia da empresa para ter o controle de seu padrão de qualidade é utilizar produtos e sistemas de marcas consagradas e terceirizar o mínimo possível, mantendo equipes próprias, focadas e treinadas. Além disso, as empresas fornecedoras e os profissionais contratados são parceiros tradicionais, que demonstraram excelência nos empreendimentos entregues nos últimos anos: “Para nós é importante termos esses parceiros, que, além de atuar na obra, também dão assistência após a entrega”.

No rol dos principais fornecedores do Maiorca, a Túzzolo Engenharia executou os serviços de sondagem do subsolo. Conforme o engenheiro Fábio Túzzolo, a empresa fundada pelo seu pai, engenheiro Reynaldo Túzzolo, atua há 30 anos no mercado da Baixada Santista, atendendo a praticamente todas as construtoras da região.

A A2AL Construções e Terraplenagem atendeu a Engeplus na preparação do terreno, utilizando equipamento com tecnologia de ponta e mão de obra especializada, declarou o diretor, engenheiro Antônio Augusto. A empresa atua tendo como base as legislações ambientais, assim como a ABNT NBR 10.004/2004, que normatiza e classifica os resíduos sólidos quanto aos riscos potenciais ao meio ambiente e à saúde pública, para que possam ser gerenciados adequadamente.

A alvenaria foi feita com blocos cerâmicos da Ermida, adquiridos por meio da Tapinaré Representações, dirigida por Albano da Silva Soares e Cristiane R. Soares. Eles enfatizaram que entre as vantagens de se utilizar produto 100% natural estão a baixa absorção de umidade e os isolamentos térmico e acústico, que proporcionam elevada performance na obra e mais conforto no interior das unidades. A Cerâmica Ermida é do Grupo Nivoloni, que há mais de quatro décadas fabrica cerâmica para a construção civil e segue normas internacionais de desempenho.

A MRA Representações forneceu produtos Portobello e PortoKoll, que estão presentes na fachada e nas unidades tipos, com os porcelanatos e revestimentos cerâmicos, e com as argamassas e rejuntes, declarou o diretor da empresa, Jorge Abrahão. “A Engeplus optou por produtos que valorizam o empreendimento, utilizando o revestimento certo para cada ambiente, assentado conforme as especificações do fabricante”, comentou Jorge, ao citar diferentes coleções utilizadas nos terraços, dormitórios, cozinhas e banheiros da suíte, assim como nas áreas sociais, piscina e garagem.

A PortoKoll participou da obra com o fornecimento de 147,50 toneladas de argamassas especiais. A argamassa Superflex ACIII foi utilizada na fachada para assentamento das cerâmicas 7,5 x 7,5 e 5 x 15 e para assentamento dos revestimentos cerâmicos e porcelanatos internos. Segundo a PortoKoll, o produto é formulado à base de cimento Portland, areia beneficiada isenta de sais com granulometria controlada e também aditivos especiais que conferem retenção de água, flexibilidade e alta adesão: “É indicada para assentar peças cerâmicas, porcelanatos e pastilhas de porcelana, em pisos e paredes internas, externas e fachadas, em áreas residenciais, comerciais e industriais”. O rejuntamento utilizado foi o Portokoll Flexível, que cumpre os requisitos da ABNT NBR 14992 para a classificação tipo II. A Engeplus também adotou a argamassa Ultraflexível Bicomponente Rápida ACIII-E no assentamento de placas de grandes dimensões na fachada. “A Bicomponente Rápida foi especialmente desenvolvida para assentamento de revestimentos cerâmicos, porcelanatos e pedras de baixa absorção em assentamento onde há necessidade de alta performance e liberação E, conforme ABNT NBR 14081-1”, informa o fabricante. O rejuntamento utilizado foi o Portokoll Flexível.

A Atlas Schindler equipou o Residencial Maiorca com dois elevadores da linha S3600, com acabamentos em aço inoxidável, velocidade de 150 m/min e capacidade para 11 passageiros. A linha S3600 tem como diferenciais o espaço das cabinas, que permite aos usuários uma maior sensação de conforto e espaço, o desempenho no funcionamento, através de viagens mais rápidas, suaves e silenciosas, e o design, que combina modernidade e sofisticação.

A Magenta Alumínio Ltda. fortaleceu a parceria com a Engeplus. Conforme disse o diretor João Magenta, a empresa fabricou a instalou os caixilhos em alumínio branco de todo edifício, assim como a fachada tipo “pele de vidro” e os portões de entrada, executados em aço inox e vidro temperado, “valorizando ainda mais o empreendimento”.

As pedras naturais foram fornecidas pela Marmoraria Santista, informou o diretor André Glerean: “Estamos satisfeitos por termos participado em mais este empreendimento da Engeplus, selando uma parceria de muitos anos, fornecendo produtos de qualidade e cumprindo prazos com pontualidade”. André especificou que no decorado as bancadas na cozinha são em Quartzo branco, enquanto no salão social e grill dos espaços de lazer o destaque ficou por conta das bancadas em granito Nero Portoro, com sua superfície intensa escura e veios dourados, que combina design e contemporaneidade, atendendo a proposta do projeto da Scala Arquitetura.

A Loja das Placas foi responsável pelo letreiro na fachada do edifício, que reproduz o logotipo do Residencial Maiorca. “O letreiro foi confeccionado em aço inox AISI 304 polido”, afirmou a diretora Rosa Brazil, ao informar que a empresa também forneceu a numeração dos apartamentos, dos andares, assim como diversas placas para as áreas sociais do condomínio: “Devido ao clima do litoral, o ideal é o aço inox, não apenas pela beleza, mas pela durabilidade e qualidade. Atuamos sempre pensando em oferecer o melhor para os nossos clientes”.

A MD Antenas Comércio e Serviço forneceu e instalou diversos equipamentos no empreendimento, como a antena coletiva digital, amplificadores, central de interfonia, fechaduras eletroímã, automação de portões, sistema de controle de acesso, com semáforos nas rampas das garagens, informou o diretor Diógenes Barros: “Estamos em atividade desde 1987 trabalhando com as melhores empresas do mercado de automação e interfonia”.

Do clássico ao contemporâneo

As áreas comuns e o apartamento modelo do Residencial Maiorca foram decorados pela Scala Arquitetura, da arquiteta Eliane Manteck Godinho Barroso e da engenheira Juliana Godinho Barroso. Nos espaços coletivos, o conceito foi inspirado no clima da famosa ilha do Mediterrâneo, privilegiando os tons claros, com a utilização de materiais resistentes e de fácil manutenção. Já a decoração do apartamento modelo, numa unidade de 1 dormitório, a ideia foi criar um projeto funcional, bonito e econômico, com a proposta de agradar diferentes gostos.

“Sem alterar o padrão tipo da unidade, procuramos combinar diversos estilos, ora com uma pegada clássica, como na aplicação de boisserie (característica nos palácios) no dormitório, ora com a proposta moderna dos planejados, utilizando painel em MDF que imita pedra, com acessórios e puxadores em metal rose”, contou Juliana.

Em alguns ambientes do decorado, a opção foi pelos tons mais quentes, com o uso da terracota no quarto (cor unisex), na cabeceira da cama, assim como no painel da TV e na poltrona da escrivaninha. No terraço, o projeto optou pelo verde, introduzindo um painel de plantas permanentes para isolar a área técnica.

“No conjunto social buscamos separar, sem parede, três ambientes diferentes: da sala de jantar, sala de TV e o terraço. Para isso, utilizamos a iluminação e o gesso”, explicou Juliana, ao salientar o clima sóbrio nos espaços de jantar e TV, combinando com a pegada contemporânea no terraço, que recebeu um bar, com móvel para adega cervejeira e uma namoradeira: “Ficou um espaço bem descontraído”.

Na cozinha, a rodabanca com detalhe em dourado combina com o planejado estilo marmorizado e eletrodomésticos funcionais, acrescentou Eliane. No banheiro e no lavabo a criatividade do projeto é percebida no conjunto da iluminação, paredes e espelho.

Nas áreas coletivas, que estão sendo entregues mobiliadas e prontas para uso, foi definida uma proposta moderna. No hall de entrada, por exemplo, foi colocado um brise e também foram usados os tons quentes de terracota. Nos dois salões de festa, no terceiro pavimento e na cobertura, foi seguido o conceito contemporâneo, com o espaço da cobertura recebendo um lounge.

Apartamento decorado de 1 dormitório: proposta integra cozinha, sala com dois ambientes e varanda

Cozinha e balcão: conceito facilita o dia a dia

Dormitório combina diferentes estilos, como na aplicação de boisserie e móveis planejados

Projeto do decorado procurou não alterar o padrão tipo

Divulgação

Lavabo exibe conjunto criativo

Responder