Edição 321Outubro 2021
Quinta, 28 De Outubro De 2021
Editorias

Publicado na Edição 315 Abril 2021

Divulgação

Prioridade para pacientes com obesidade

Risco de morte por Covid-19

Prioridade para pacientes com obesidade

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (Sbcbm) se posicionou favorável a vacinação prioritária contra a Covid-19 para pacientes com obesidade grave. Para a entidade, a providência é fundamental, além de constituir um direito consagrado na Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (LBI).

“A vacinação tem um impacto substancial na redução da incidência, hospitalizações, admissões em unidades de terapia intensiva e mortes, especialmente entre indivíduos vulneráveis como é o caso dos pacientes que possuem obesidade grave e doenças associadas a ela”, afirmou o presidente da Sbcbm, médico Fábio Viegas.

Estudos comprovaram que, logo após a população acima dos 70 anos, o sobrepeso e obesidade são preditores altamente significativos de desenvolvimento de complicações de Covid-19, incluindo a necessidade de hospitalização, para terapia intensiva e para ventilação mecânica. A obesidade, junto com suas doenças associadas, como hipertensão e diabetes, são as causas mais comuns de doenças graves e óbitos causados por diversas doenças infecciosas virais.

“O Relatório da Federação Mundial de Obesidade mostra que em países onde menos da metade da população adulta é classificada como com sobrepeso/obesidade, a probabilidade de morte por Covid-19 é uma pequena fração — cerca de um décimo — do nível visto em países onde mais da metade da população é classificada como portadores de excesso de peso”, afirma o diretor do Centro de Obesidade e Diabetes (Hospital Alemão Oswaldo Cruz, São Paulo), Ricardo Cohen.

Responder