Edição 301Fevereiro 2020
Sexta, 28 De Fevereiro De 2020
Editorias

Publicado na Edição 300 Janeiro 2020

Prevenção ao câncer de pele

Os cuidados com a exposição ao sol devem ser constantes, mas é nesta época do ano no Hemisfério Sul que a incidência dos raios solares é mais concentrada. “Em um país tropical como o Brasil, existe uma radiação solar acentuada, necessitando de maiores cuidados para evitar o câncer de pele”, explica a médica Johanna Wagner Poti Sales, dermato-patologista da Sociedade Brasileira de Patologia (SBP). O câncer de pele é o mais predominante no país, representando mais de 90% dos casos de câncer. Estima-se que, somente em 2019, foram diagnosticados cerca de 85.170 novos casos em homens e 80.410, em mulheres. Além da exposição crônica ao sol, o desenvolvimento do câncer de pele está associado a câmeras de bronzeamento artificial e acomete com maior frequência pessoas com mais de 50 anos, de pele e olhos claros.

Responder