Edição 301Fevereiro 2020
Sexta, 28 De Fevereiro De 2020
Editorias

Publicado na Edição 299 Dezembro 2019

Pet robô ajuda idosos e autistas

A neuropsicóloga Marcella Bianca Neves decidiu investir no pet robô, que conheceu ao participar do Congresso Internacional da Associação de Alzheimer, realizado em Los Angeles, EUA. O pet robô possibilita que a Terapia Assistida por Animais esteja presente em hospitais e instituições em que o acesso de animais reais não é permitido. “Pesquisas comprovam que a introdução do pet robô na companhia do idoso diminui a agitação, a ansiedade, o isolamento social e a expressão de tristeza, proporcionando bem-estar, qualidade de vida, companheirismo e interação com o ambiente, além de contribuir para o resgate da vivacidade e habilidades motoras devido ao estímulo da interação com o animal através do acariciamento”, afirma Marcella, que é fundadora do Instituto do Cérebro que leva o seu nome e membro da Sociedade Brasileira de Neuropsicologia.

Responder