Edição 273Outubro 2017
Domingo, 19 De Novembro De 2017
Editorias

Publicado na Edição 273 Outubro 2017

Divulgação

Envelhecimento precoce. Não!

Além de uma boa alimentação, antioxidantes podem ser encontrados em suplementos e produtos cosméticos

Envelhecimento precoce. Não!

Alvo de um processo natural, algumas pessoas podem sofrer mais com os sinais do envelhecimento, aparentando até ter mais idade do que realmente possuem. Diversos fatores influenciam esta ordem, e muitos deles estão fora do alcance, como a genética. Contudo, é possível manter um ritmo compatível com uma alimentação rica em antioxidantes. Esses elementos são compostos de vitaminas, minerais e outras substâncias químicas capazes de evitar a oxidação da estrutura celular.

Está comprovado cientificamente que uma dieta rica em alguns antioxidantes previne contra doenças cardíacas e aquelas relacionadas ao envelhecimento. Há uma grande variedade de alimentos ricos nessas substâncias, que também podem ser encontrados em suplementos e produtos cosméticos.

A oxidação é um processo químico natural que ocorre no corpo humano e que resulta em moléculas instáveis chamadas radicais livres. Em pequenas quantidades, essas moléculas são úteis para a saúde, pois desempenham papel importante em algumas atividades das células, como transferência de elétrons para atingir a estabilidade. No entanto, quando em excesso, podem ser tóxicas ao organismo e gerar problemas, prejudicando o funcionamento celular.

De acordo com a nutricionista Joana Carollo, uma alimentação baseada em frutas, vegetais e grãos integrais, fornece uma boa quantidade e variedade de antioxidantes, contribuindo para fortalecer o sistema imunológico e diminuir os riscos de desenvolver patologias. A profissional da Nova Nutrii afirma que, além de prevenir doenças, os antioxidantes trazem benefícios importantes: “Estes nutrientes possuem um poderoso efeito antienvelhecimento capazes de minimizar os danos causados à pele, e podem, inclusive, amenizar as rugas faciais e promover a renovação celular, melhorando a saúde da cútis e dos cabelos”.