Edição 310Novembro 2020
Sexta, 04 De Dezembro De 2020
Editorias

Publicado na Edição 309 Outubro 2020

Divulgação

O ladrilho elegante

Patchwork Renda: modelos Delirio e Gloria, em projeto do arquiteto Rodinei Pinto

O ladrilho elegante

O sucesso do ladrilho hidráulico na decoração não se deve somente ao design alegre das peças, mas por sua alta resistência e fabricação artesanal, que lhe dá identidade e elegância. Pensando na paixão de clientes e profissionais, a Adamá, de Sorocaba, no interior do estado de São Paulo, listou recomendações para quem quer incluir a peça no projeto.

O ladrilho hidráulico pode ser usado em pisos e paredes de áreas internas, além de varandas cobertas. Seu uso em áreas externas, onde ficará exposto ao sol, requer a aplicação de produto com proteção UV, que protegem do desbotamento. Para áreas molhadas, como pisos de cozinhas e lavanderias, deverá ser aplicada uma impermeabilização mais apropriada, como hidro óleo repelente, ou até uma resina de proteção (após a secagem da colagem do ladrilho e do rejunte) para formar uma película que impeça o contato e a passagem da água pelo piso e pelo rejunte.

O ideal é que a instalação do ladrilho seja uma das últimas ações da obra, evitando a sujeira pesada. Porém, devem ser inseridos antes de dois momentos importantes: a colocação dos móveis planejados (para que o acabamento fique mais refinado) e, da pintura, que é o momento do acabamento final. Por isso, o ladrilho deve ser protegido com lona e fita crepe para que não suje de tinta.

Para a colocação em pisos e paredes, a indicação é pelo uso da argamassa do tipo AC III (de preferência na cor branca), tanto nas áreas secas quanto nas molhadas. O ladrilho hidráulico Adamá, por ter 11 mm de espessura, pode ser facilmente colado em paredes usando cola de PU (poliuretano). O rejunte deve ser do tipo flexível e, na hora de sua aplicação, é importante que seja protegido com fita crepe, para que não ocorra o contato com a superfície do piso.

No caso de impermeabilização, poderá ser feita uma demão antes do rejuntamento. Porém, é essencial que se faça também após assentado e rejuntado, para que o sistema funcione como um todo. É importante que se tome cuidado para não sujar o ladrilho durante o processo e, caso isso seja inevitável, é recomendado limpar na hora.

A tinta não sai, mas como é um material natural, o visual das cores se altera ao longo dos anos, tornando-se mais homogêneo. O ladrilho não possui uma pintura. Ele tem um pigmento misturado no próprio cimento. Por ser poroso, o cimento pode absorver substâncias com o passar do tempo, porém essa característica de envelhecimento natural ocorre de forma leve e ainda garante charme ao produto.

Responder