Edição 320Setembro 2021
Sábado, 16 De Outubro De 2021
Editorias

Publicado na Edição 318 Julho 2021

Julia Ribeiro/Divulgação

Moderno, com ares de spa

Projeto do escritório Oliva Arquitetura: janela interna

Moderno, com ares de spa

Com a função de reter a água do banho, isolar a área do chuveiro e não deixar o banheiro todo molhado, o box é uma das peças indispensáveis para o cômodo e dispõe de grande variedade de modelos e materiais. As estruturas mais comuns são as de vidro e com o tamanho padrão de 1,90 m, mas há uma forte tendência ganhando o gosto dos entusiastas da decoração: o box piso-teto.

Perfeito para quem é fã do estilo contemporâneo, ele confere ao ambiente uma aparência mais ampla, elegante e sofisticada. “Com o toque clean que as folhas de vidro propiciam ao estender sua altura até o teto, é possível ousar nos acabamentos. Fazer a serralheria em preto ou dourado, por exemplo, traz modernidade e foge do comum”, explica a arquiteta Monike Lafuente, sócia do escritório Studio Tan-gram ao lado de Claudia Yamada. Ela explica que é sempre mais difícil ousar nas cores dos modelos convencionais, pois a barra superior acrescenta informação à decoração e, por isso, na maioria dos casos, acaba recebendo pintura branca.

Antes de aderir ao estilo, é importante observar se o seu banheiro preenche alguns requisitos para evitar problemas futuros. Para descomplicar a escolha, as arquitetas dos escritórios Studio Tan-gram e Oliva Arquitetura afirmam que, por vedar a área do banho por completo e reter todo o vapor da água quente, a primeira regra do box piso-teto é que o banheiro disponha de uma janela na área interna. “Precisamos oferecer um espaço para o vapor sair. Assim, evitamos de ter mofo no teto e nas paredes”, pontua a arquiteta Bianca Atalla.

Responder